Moçambique: Grupo armado ataca autocarro e causa três feridos em Sofala

Um grupo de homens armados atacou a tiro um autocarro de passageiros, causando três feridos. O incidente ocorreu esta quinta-feira, 05 de setembro, num troço de estrada junto ao rio Pungúe, entre os distritos de Gorongosa e Nhamatanda, na província de Sofala.

A informação foi dada por fontes locais, tendo as mesmas acrescentado que o autocarro baleado circulava em direção ao Norte de Moçambique, no sentido Inchope-Caia, na Estrada Nacional 01 (EN1), a principal via que liga o Sul e o Norte.

O motorista e os passageiros que saíram ilesos prestaram declarações na polícia da vila da Gorongosa, mas os criminosos ainda não foram identificados. Já os três feridos foram levados para o Hospital da Gorongosa para serem assistidos.

Recorde-se que a serra da Gorongosa é um refúgio histórico de guerrilheiros da Renamo. Apesar de as hostilidades entre o Governo e o maior partido da oposição terem cessado em dezembro de 2016 e de a paz ter sido formalmente subscrita através de acordos assinados há um mês, um grupo auto-intitulado Junta Militar da Renamo (JMR) e liderado por Mariano Nhongo, tenente-general da referida formação política, permanece “entrincheirado nas matas”.

A JMR contesta o líder do partido, Ossufo Momade, e os acordos assinados por este, nomeadamente os que regulam o desarmamento e reintegração dos guerrilheiros na sociedade. No entanto, Nhongo já se tinha demarcado de um outro ataque ocorrido em 01 de agosto no centro do país, em Nhamapadza, a 200 quilómetros do distrito de Gorongosa, em que duas pessoas ficaram feridas após disparos contra um camião e um autocarro de passageiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *



Artigos relacionados

Estreia "Calígula morreu. Eu não" no D. Maria II, uma coprodução que junta Portugal e Espanha

Estreia "Calígula morreu. Eu não" no D. Maria II, uma coprodução que junta Portugal e Espanha

“Calígula morreu. Eu não“, espetáculo com encenação de Marco Paiva e texto da dramaturga espanhola Clàudia Cedó, chega à Sala…
Moçambique: Governo promete igualdade de género

Moçambique: Governo promete igualdade de género

O Governo moçambicano reiterou o compromisso de trabalhar para garantir a igualdade de género no país, em conjunto com todos os intervenientes sociais. O foco, disse,…
Deputado Paulo Porto dedica mensagem à diáspora portuguesa

Deputado Paulo Porto dedica mensagem à diáspora portuguesa

O deputado Paulo Porto, eleito pelo círculo de fora da Europa, gravou uma mensagem para a diáspora portuguesa em virtude…
Timor-Leste sofre subida de denúncias de violência de género

Timor-Leste sofre subida de denúncias de violência de género

Os casos de violência de género reportados à justiça quase duplicaram em Timor-Leste, tendo estas denúncias sido feitas em vários municípios. Isto acontece depois…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin