Moçambique: Mais dois ataques terroristas registados no centro de Cabo Delgado

Os ataques terroristas somam-se nas comunidades rurais dos distritos do centro e norte de Cabo Delgado, numa altura em que se discute novos prazos sobre as tropas da SADC, cujo mandato termina no presente mês de janeiro.

Nos próximos dias a troika da SADC vai reunir para também discutir sobre a missão militar conjunta em Moçambique. Enquanto isso, na terça-feira, dois grupos terroristas atacaram os distritos de Macomia, concretamente a aldeia Nova Vida, no posto administrativo de Chai, a cerca de 20 km da sede distrital e igualmente a comunidade de Mariria no distrito de Meluco, foi atacada.

De acordo com relatos, os atacantes queimaram palhotas da população desalojando várias famílias e destruíram diversos bens. Nas aldeias circunvizinhas também houve susto tendo obrigado as pessoas a pernoitar no mato. 

Muaguide, Mitambo em Meluco, Macomia-sede, Nova Zambézia, Paz e Muagamula no distrito de Macomia são os locais onde parte da população recorreu as matas para se esconder a quando dos ataques às aldeias de Mariria e Nova Vida.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Moçambique recebe do Japão cinco viaturas de bombeiros

Moçambique recebe do Japão cinco viaturas de bombeiros

O Governo japonês disponibilizou cerca de 170 mil dólares a Moçambique para a aquisição de cinco viaturas destinadas ao Serviço…
Angola: Reintegrados mais de 500 ex-militares em ações contra fome e pobreza

Angola: Reintegrados mais de 500 ex-militares em ações contra fome e pobreza

A vice-governadora provincial para o setor Político, Social e Económico de Benguela, Lídia Amaro, afirmou que 593 ex-militares foram reintegrados…
Banco Mundial indica crescimento de 4,1% para Timor-Leste

Banco Mundial indica crescimento de 4,1% para Timor-Leste

O Banco Mundial prevê que Timor-Leste registe um crescimento económico de 4,1% em 2024 e 2025, através do alívio das…
UE doa 50 milhões de euros à ONU para refugiados palestinianos

UE doa 50 milhões de euros à ONU para refugiados palestinianos

A União Europeia (UE) anunciou o envio da próxima parcela de 50 milhões de euros para a Agência das Nações…