Moçambique mantém neutralidade mesmo com pressão dos EUA

A ministra dos Negócios Estrangeiros de Moçambique garantiu que o país vai continuar neutro na guerra entre a Ucrânia e a Rússia. Segundo Verónica Macamo, o Governo não vai responder a pressões para se posicionar sobre o apoio ou condenação dos territórios envolvidos no conflito. 

Recorde-se que os Estados Unidos da América, através do Embaixador em Moçambique, Peter Handrick Vrooman, pediram esta semana para que o país se posicionasse e demonstrasse o seu apoio à Ucrânia

No entanto, Macamo realçou que o mais importante é o diálogo para o alcance da paz entre as partes, indica “O País”. Garantiu ainda que não há possível mudança em relação à posição adotada pelo Governo moçambicano. 

“A nossa grande preocupação é que as partes se sentem para encontrar solução. Sabemos o quão complicada é uma guerra. Não queremos que esta guerra continue. Ainda que condenemos (uma das partes envolvidas), isso não vai resolver o problema. É preciso que as partes se sentem e usem o diálogo responsável para ultrapassar o problema”, defendeu. 

“Nós temos relações com todos os países e pensamos que, nesse bom relacionamento, devemos unir esforços para aconselhar as partes desavindas para ultrapassar o problema”, lembrou. 

 Moçambique faz parte dos 35 países que se abstiveram de condenar a invasão russa à Ucrânia, dos 193 Estados-membros da Nações Unidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Julgamento que envolve antiga ministra no crime

Moçambique: Julgamento que envolve antiga ministra no crime

Começou a 15 de Março, a sessão de julgamento do processo-crime, número 51/2019/10 que corre na 10ª Secção Criminal do…
Presidente de Portugal visita Moçambique entre 17 e 20 de março

Presidente de Portugal visita Moçambique entre 17 e 20 de março

O Presidente português, Marcelo Rebelo de Sousa, vai realizar uma visita oficial a Moçambique, avança “O País”. O evento começa…
Brasil: Produção industrial brasileira tem declínio em relação ao ano passado 

Brasil: Produção industrial brasileira tem declínio em relação ao ano passado 

A produção industrial brasileira recuou em dez dos 15 locais pesquisados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na…
Angola: João Lourenço defende equipa neutra para mediar conflito na Ucrânia

Angola: João Lourenço defende equipa neutra para mediar conflito na Ucrânia

O Presidente angolano, João Lourenço, defende a criação de uma equipa internacional que seja neutra e credível, aceite pela Ucrânia…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin