Moçambique: MDM exige credibilidade no julgamento das “dívidas ocultas”

O líder do Movimento Democrático de Moçambique (MDM), Lutero Simango, quer uma economia livre e exige um julgamento credível das “dívidas ocultas”. As declarações foram feitas por ocasião da quadra festiva que inclui o Natal e o Ano Novo.

O dirigente aproveitou a ocasião para falar de aspectos negativos durante o ano de 2021. Além de ter exigido o restabelecimento da estabilidade económica e a credibilidade no julgamento do caso das “dívidas ocultas”, disse que o executivo moçambicano deve reduzir encargos fiscais para o estabelecimento de um ambiente empresarial favorável.

Segundo Simango, o favoritismo nos negócios trava o desenvolvimento das pequenas e médias empresas, apesar de as mesmas serem essenciais para o fomento do ambiente económico.

“Está cada vez mais evidente que urge reinventar o Estado. Para tal, é necessário garantir que os poderes estejam devidamente separados”, defendeu, citado pelo jornal “O País”.

‟Moçambique precisa de um Estado menos centralizado, menos burocratizado e assente no princípio de valores éticos e morais. A descentralização deve privilegiar a transferência de poderes aos Governos locais”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72%…
Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

O Presidente russo, Vladimir Putin, apelou ao Exército ucraniano para que retirasse o apoio ao Governo ucraniano, o que significa…
Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, confirmou os relatos de ataques e bombardeamentos a creches e orfanatos…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin