Moçambique: Militares do Botsuana acusados de passarem férias no país

Os militares do Botsuana estão a ser acusados de passarem férias em Moçambique, em vez de combaterem os grupos armados. A acusação foi feita através do jornal “The Voice”.

A publicação comentou assim a estadia de 296 militares do Botsuana em Moçambique para apoiar no combate ao terrorismo na província de Cabo Delgado, no âmbito da força conjunta da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC, na sigla inglesa).

“Um mês depois de serem enviados a Moçambique… os membros da Força de Defesa do Botsuana (BDF) estão a gozar o que é efetivamente ‘umas férias gratuitas’”, pode ler-se na publicação.

Isto porque, refere através de fontes, o exército em questão ainda não recebeu ordens de combate. Tem sido a força ruandesa a tomar as rédeas.

“Alguns até aproveitaram o tempo livre inesperado, visitando a praia mais próxima às civis”, indica o jornal, que cita fontes militares.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

STP: 4 detidos morrem no quartel militar

STP: 4 detidos morrem no quartel militar

Quatro cidadão são-tomense que se encontravam detidos no quartel militar, depois da tentativa de invasão falhada, morreram na passada sexta-feira,…
Angola recebeu auxílio de USD 246 mil do Japão para desminagem

Angola recebeu auxílio de USD 246 mil do Japão para desminagem

O Governo japonês investiu mais de 246.900 dólares em ações de desminagem na província do Cuanza Sul, segundo o Embaixador do…
Moçambique: Oficializado ensino via Internet no país

Moçambique: Oficializado ensino via Internet no país

O Parlamento moçambicano oficializou nesta semana o ensino via Internet no país. Assim, estudantes do ensino superior poderão passar a…
Cabo Verde é dos 21 melhores destinos para visitar em 2023

Cabo Verde é dos 21 melhores destinos para visitar em 2023

Cabo Verde encontra-se entre os 21 melhores destinos para se visitar em janeiro de 2023, de acordo com a lista…