Moçambique: Número de casos de cólera é preocupante na província de Niassa

As autoridades na província de Niassa, norte de Moçambique, dizem estar bastante preocupadas devido à persistência de casos de cólera, sobretudo nos distritos de Lago e Lichinga, embora assegurem que a taxa de mortalidade está a reduzir.

A preocupação em relação à prevalência de casos de cólera na província de Niassa foi, esta quarta-feira, manifestada, no distrito de Marrupa, pelo Secretário do Estado, Dinis Vilanculo, quando anunciou o registo de sete mortos de um total de 446 infetados.

Na ocasião, Dinis Vilanculo, pediu o envolvimento de toda população da província de Niassa no combate à doença, que requer um trabalho conjunto.

Dinis Vilanculo, que falava momentos depois da entrega de uma ambulância, recomendou o uso de sabão ou cinza para lavagem das mãos e consumo de água potável, tratada ou fervida, para prevenção. 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Angola: TAAG vai receber cinco aviões novos até ao final de 2024

Angola: TAAG vai receber cinco aviões novos até ao final de 2024

A companhia TAAG Linhas Áreas de Angola vai receber cinco novos aviões até ao final de 2024.   Estas novas…
Brasil: Escritor português integra festival literário brasileiro que aposta na “equidade”

Brasil: Escritor português integra festival literário brasileiro que aposta na “equidade”

O Festival Literário Internacional de Araxá (Fliaraxá), que terá lugar entre os dias 19 e 23 de junho, no município…
Cabo Verde: Preço dos combustíveis baixam 6 % em junho

Cabo Verde: Preço dos combustíveis baixam 6 % em junho

A Autoridade Reguladora Multissectorial da Economia (ARME) divulgou que os preços máximos dos combustíveis ficaram mais baratos em média 6%…
Moçambique quer angariar USD 80 mil milhões para transição energética

Moçambique quer angariar USD 80 mil milhões para transição energética

Moçambique está a tentar mobilizar 80 mil milhões de dólares americanos para pôr em prática a estratégia de transição energética…