Moçambique: Nyusi diz que querem minar liderança da Frelimo

O Presidente moçambicano e líder da Frelimo afirmou que o terrorismo é desencadeado por inimigos externos do partido no poder. Segundo Filipe Nyusi, os insurgentes querem tirar a Frelimo da liderança do Estado moçambicano.

As declarações foram feitas nesta quarta-feira, 24 de agosto, perante líderes das organizações sociais do partido de Nyusi, de acordo com “O País”. O dirigente exigiu-lhes foco para não cederem aos inimigos, entre os quais terroristas.

Estas observações foram feitas no ano do 12.º Congresso e 60.º aniversário da formação política. Coube a Nyusi conduzir a aula inaugural de uma série de seminários de integração dos membros dos secretariados das organizações sociais.

O político considera assim que, “a nível dos atores externos”, são notórias “ações que visam minar a permanência do nosso glorioso partido na liderança dos destinos dos moçambicanos”.

Prosseguiu dizendo que “a onda de manifestações e outras tentativas de criar desordem, com instrumento político, nunca surtiram o efeito de enfraquecer a Frelimo e o povo”, tendo “os nossos inimigos” criado “a agressão terrorista”.

“De certeza, não foi mero acaso que as ações terroristas se iniciaram a 05 de outubro de 2017, exatamente no dia em que terminava o 11.º Congresso da Frelimo, que foi um grande sucesso no fortalecimento do partido, na reafirmação da nossa agenda pela unidade, paz e desenvolvimento. Quando nós estávamos a bater palmas de sucesso do nosso congresso, o terrorismo estava a dar o seu primeiro sinal”, concluiu.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Angola: UNITA promete mudanças na Lunda Norte

Angola: UNITA promete mudanças na Lunda Norte

O novo secretário provincial da UNITA na Lunda Norte, Francisco Cacoma, prometeu na terça-feira, 03 de janeiro, que vai adotar…
Moçambique: Presidente de Quelimane promete pagar 13º mês de 2022

Moçambique: Presidente de Quelimane promete pagar 13º mês de 2022

O Presidente do Município da Cidade de Quelimane, na Província da Zambézia, Manuel de Araújo, prometeu, na tarde de 4…
Timor-Leste: PIB não-petrolífero subiu 3,9% em 2022

Timor-Leste: PIB não-petrolífero subiu 3,9% em 2022

O Produto Interno Bruto (PIB) não-petrolífero de Timor-Leste cresceu 3,9% em 2022, de acordo com os dados provisórios do Ministério das Finanças. …
Brasil: Polícia vai investigar Bolsonaro por crimes durante a pandemia 

Brasil: Polícia vai investigar Bolsonaro por crimes durante a pandemia 

O novo diretor-geral da Polícia Federal, Andrei Passos, disse que a corporação irá investigar eventuais crimes praticados durante o governo do…