Moçambique: Nyusi pede campanha eleitoral sem “discursos incendiários e intimidatórios”

Presidente de Moçambique, Filipe Nyusi

O chefe de Estado moçambicano, Filipe Nyusi, solicitou às forças políticas e aos seus membros que “participem de forma livre, consciente, ordeira e tolerante na campanha eleitoral” para as eleições autárquicas, que irão decorrer a 11 de outubro.

O pedido foi feito nesta segunda-feira, 25 de setembro, um dia antes do início da campanha eleitoral, cujo final está marcado para 08 de outubro.

“Moçambique é uma referência na região, no continente e no mundo pelo elevado nível da cidadania, disciplina e sentido patriótico demonstrados no processo de consolidação da democracia multipartidária. Que este exemplo prevaleça durante a campanha eleitoral que se avizinha”, declarou o governante numa mensagem dirigida à nação.

“Exortamos ainda os concorrentes para que, na interação com os potenciais eleitores, incluindo no uso do seu tempo de antena, se centrem na apresentação dos seus manifestos, abstendo-se de discursos incendiários e intimidatórios e de atos de violência contra os seus adversários”, acrescentou.

Nyusi salientou que, “aos dirigentes das forças políticas, das associações e grupos de cidadãos concorrentes, cabe a responsabilidade acrescida na orientação dos seus membros para a observação rigorosa da lei e do Código de Conduta Eleitoral”.

Quanto à Polícia da República de Moçambique, prosseguiu, “está instada a atuar com máxima isenção e imparcialidade, garantindo que a campanha eleitoral e todo o processo até à votação decorra com normalidade, dentro dos padrões da lei e ordem”.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Guiné-Bissau: MADEM-G15 qualifica ataque à PJ de tentativa de Golpe de Estado

Guiné-Bissau: MADEM-G15 qualifica ataque à PJ de tentativa de Golpe de Estado

O Movimento para Alternância Democrática (MADEM G-15) responsabilizou o Governo pela perda de vidas humanas nos confrontos na sequência da…
Moçambique: Filipe Nyusi presente na abertura do XXXIII Conselho Coordenador do Ministério do Interior

Moçambique: Filipe Nyusi presente na abertura do XXXIII Conselho Coordenador do Ministério do Interior

Apesar dos últimos casos de raptos verificados na cidade e província de Maputo, o Presidente da República e comandante-chefe das…
Angola pretende reforçar cooperação judiciária com o Brasil

Angola pretende reforçar cooperação judiciária com o Brasil

O presidente do Tribunal Supremo de Angola, Joel Leonardo, divulgou que o país quer reforçar a cooperação judiciária com o…
Moçambique: Casinos rendem quatro milhões de euros em impostos

Moçambique: Casinos rendem quatro milhões de euros em impostos

O balanço económico e social da execução do Orçamento do Estado até ao final do terceiro trimestre de 2023 indica…