Moçambique

Moçambique: Nyusi quer ações robustas no combate ao terrorismo

Presidente de Moçambique, Filipe Nyusi
Filipe Nyusi

O Presidente moçambicano, Filipe Nyusi, exigiu à Polícia da República de Moçambique (PRM) ações robustas para o combate ao terrorismo na província de Cabo Delgado. A ordem foi dada nesta segunda-feira, 03 de maio, em Marracuene, província de Maputo. 

O também comandante em Chefe das Forças de Defesa e Segurança (FDS) discursou na Academia de Ciências Policiais (ACIPOL), na abertura do 21.º conselho coordenador da PRM. 

De acordo com Nyusio povo olha para o encontro da polícia como uma oportunidade para avaliar o trabalho da corporação em todos os aspetos, com vista à erradicação urgente do terrorismo e crime organizado, incluindo os frequentes raptos que ameaçam a economia nacional. 

chefe de Estado realçou que a segurança interna que a corporação policial assume defender é atividade desenvolvida pelo Estado, de maneira a assegurar a ordem, a segurança e a tranquilidade públicas. 

“São atividades, ainda, proteger pessoas e bens, prevenir e reprimir a criminalidade, identificar os cidadãos nacionais e estrangeiros, controlar o movimento migratório, prevenir os riscos e combater incêndios, com vista a assegurar o normal funcionamento das instituições, regular o exercício dos direitos, liberdades e garantias fundamentais dos cidadãos e o respeito pela legalidade”, enumerou.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo