Moçambique: Oposição critica relatório da Conta Geral do Estado

O Governo moçambicano fez um balanço positivo da execução orçamental referente a 2021, ao comentar o relatório da Conta Geral do Estado. Lembrou que no ano passado houve problemas como ataques armados no país e a pandemia da Covid-19. 

No entanto, as bancadas da Renamo e MDM, ambos partidos da oposição, afirmaram que o relatório não reflete a realidade do país e apontaram alguns aspectos negativos. 

Já a bancada da Frelimo, partido no poder, consideram que os resultados da gestão macroeconómica do ano passado mostraram um desempenho positivo a medir pela evolução dos principais indicadores. 

Os parlamentares estiveram reunidos nesta quarta-feira, 02 de novembro, para analisarem a Conta Geral do Estado de 2021, segundo “O País”. O documento já mereceu a apreciação e avaliação do Tribunal Administrativo, que deixou recomendações para a melhoria do mesmo. 

No relatório, o Governo menciona que, apesar dos efeitos negativos da Covid-19, efeitos das mudanças climáticas (ciclones e cheias), terrorismo na zona Norte e as ações armadas da Junta Militar da Renamo, houve sucesso na execução orçamental. 

De acordo com o Executivo, o crescimento real do Produto Interno Bruto (PIB), no exercício económico de 2021, situou-se em 2,16%, contra 2,1% anteriormente previstos, o que revela bom desempenho.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Guiné Equatorial: Vice-presidente acusa Espanha de "humilhar" o país

Guiné Equatorial: Vice-presidente acusa Espanha de "humilhar" o país

O vice-presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Nguema Obiang, acusa a Espanha de “humilhar” e “desacreditar” o país depois de a…
Moçambique: Operação "Vulcão IV" decorre no distrito de Macomia

Moçambique: Operação "Vulcão IV" decorre no distrito de Macomia

As Forças Armadas de Defesa de Moçambique (FADM) informaram nesta terça-feira, 03 de janeiro, que está em curso a Operação…
Timor-Leste: Taxa de execução do OGE 2022 foi de 78,75%

Timor-Leste: Taxa de execução do OGE 2022 foi de 78,75%

O Governo de Timor-Leste executou em 2022 cerca de 78,75% do valor total do Orçamento Geral do Estado (OGE) desse…
Moçambique: Atraso de salários gera greve no município de Nacala

Moçambique: Atraso de salários gera greve no município de Nacala

Mais de setecentos funcionários e agentes do Estado afetos ao Conselho autárquico de Nacala, na província de Nampula, encontram-se em…