Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação de cinco fábricas de processamento de castanha de cajú. Da mesma forma, uma considerável receita fiscal foi perdida. 

Em finais de 2020, as fábricas de processamento de castanha de cajú começaram a reduzir os postos de trabalho, afectando 14.290 trabalhadores e no ano passado (2021), foram arrastados para o desemprego mais 2.892 postos de trabalho.

Não foram tornadas públicas as reais causas da paralisação, e também não se sabe quando voltam a funcionar as cinco fábricas de processamento de castanha de caju nomeadamente, a Condor Nuts localizada na localidade de Anchilo, Condor Nuts de Nametil, Cajú Ilha, Indo África de Meconta e DLM Cashew. Relembre-se que a província de Nampula é a maior produtora de castanha de cajú de Moçambique.

Os números sobre o desemprego resultante da paralisação das fábricas, foram tornados públicos, pelo governador de Nampula Manuel Rodrigues, durante a 6ª Edição do Economic Briefing, organizado há dias, pela Confederação das Associações Económicas de Moçambique – CTA. 

O encontro analisou o desempenho empresarial do ano passado, severamente afectado pela situação da Covid-19, dos ataques terroristas em Cabo Delgado e dos ciclones Idai e Kenneth, e perspectivou o comportamento económico de 2022.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Teatro da Trindade estreia "Nuvem"

Teatro da Trindade estreia "Nuvem"

O espetáculo “Nuvem”, de Carlos Manuel Rodrigues, vencedor da 4ª Edição do Prémio Miguel Rovisco – Novos Textos Teatrais, estreia…
Cabo Verde: Edil da Câmara da Praia quer Polícia Municipal em 2023

Cabo Verde: Edil da Câmara da Praia quer Polícia Municipal em 2023

O presidente da Câmara Municipal da Praia (CMP), Francisco Carvalho, disse estar “expectante” com a implementação da Polícia Municipal em…
STP: 4 detidos morrem no quartel militar

STP: 4 detidos morrem no quartel militar

Quatro cidadão são-tomense que se encontravam detidos no quartel militar, depois da tentativa de invasão falhada, morreram na passada sexta-feira,…
Angola recebeu auxílio de USD 246 mil do Japão para desminagem

Angola recebeu auxílio de USD 246 mil do Japão para desminagem

O Governo japonês investiu mais de 246.900 dólares em ações de desminagem na província do Cuanza Sul, segundo o Embaixador do…