Moçambique: Polícia e comunidade civil reuniram-se em Gorongoza

O Comandante Distrital da PRM de Gorongosa, Fernando de Oliveira Matuca, Adjunto de Superintendente da Polícia, dirigiu uma reunião de ligação entre a polícia e a comunidade, na manhã de domingo, 14 de Novembro, em Gorongoza.

A reunião, com a participação de 41 moto taxistas, tinha como objetivo orientar estes profissionais para a vigilância permanente e não adesão ao carregamento de malfeitores, bens roubados e circulação fora de hora. O comandante Distrital da PRM, disse ainda estar pronto para ouvir ou perceber as sua preocupações, onde pediu aos moto taxistas a colaboração com o Comando Distrital, na denúncia dos malfeitores, corrupção dos membros da PRM.

O Comandante Distrital da PRM de Gorongosa fazia-se acompanhar pelo Chefe do Posto Policial de Nhauchendje, Eustáquio Bongesse António, Adj. Superintendente da Polícia, da Brigada da Policia de Trânsito, Malissane Raiva, Inspector Principal da Polícia, de DII José Luís Nhacabande, Inspector Principal da Polícia, de Secção de Policiamento Comunitário, Joaquim Américo Navaia, Subinspector da Polícia e o Chefe das Operações da Polícia Municipal, Limpeza Tsacatica António.

Fernando de Oliveira, para terminar, pediu aos moto táxis para continuar com a divulgação e implementação das medidas a tomarem na via pública para evitarem acidentes de viação e suas consequências, como o uso de capacete, colete reflector e condução defensiva.

Realizou-se ainda no mesmo dia um programa Radiofónico na estação da Rádio Comunitária de Gorongosa, moderada pelo Chefe da Brigada da Polícia de Trânsito, Malissane Raiva, Inspector Principal da Polícia e de seguida a uma entrevista ao Comandante Distrital, onde falou do trabalho que está a ser feito junto a comunidade para a prevenção e combate a Criminalidade no Distrito de Gorongosa.

Aurelio Sambo- correspondente

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

Militantes e delegados dos partidos MPLA (Angola), FRELIMO (Moçambique), ANC (África do Sul) e SWAPO (Namíbia) terminam neste sábado, 26…
Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

O presidente da Comissão de Administração Pública e Poder Local da Assembleia da República de Moçambique, Francisco Mucanheia, chefiou um…
Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72%…
Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin