Moçambique: PRM desmente ataque terrorista na província de Nampula


Na última sexta-feira, dia 17 de junho, homens armados atacaram uma aldeia no posto administrativo de Lúrio, distrito de Moma, na província de Nampula, deixando pelo menos duas pessoas mortas e várias casas incendiadas.

Em conferência de imprensa esta segunda-feira, o Porta-voz da PRM em Nampula, Zacarias Nacute, confirmou ter havido ataque, gerando pânico e saque de barracas, mas não associa a uma incursão terrorista.

“Tivemos informações que tem algumas barracas naquela zona que foram saqueadas, mas não sabemos ao certo se se trata exactamente de terroristas, ou de alguém que se tenha aproveitado da situação da população que entrou em pânico, para aproveitar-se disso e subtrair bens da população, explicou Zacarias Nacute.

Mais adiante, o porta-voz da PRM, em Nampula, disse que “o que podemos afirmar é que não houve nenhum ataque ao nível da nossa província, nestes pontos de Memba e Eráti”.

Suspeita-se que os atacantes do posto administrativo de Lúrio em Memba, vieram dos distritos de Chiure e Mecufe, em Cabo Delgado, onde também fizeram vários ataques.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Luxemburgo diz que países da UE apoiam candidatura da Ucrânia

Luxemburgo diz que países da UE apoiam candidatura da Ucrânia

O ministro dos Negócios Estrangeiros do Luxemburgo, Jean Asselborn, afirmou que os países da União Europeia (UE) apoiam o estatuto…
Revista de Imprensa Lusófona de 21 de junho de 2022

Revista de Imprensa Lusófona de 21 de junho de 2022

No Brasil “O Globo” tem em manchete “Nas redes e no Nordeste, Lula e Bolsonaro agem para reverter pontos fracos…
Guiné-Bissau: Braima Camará vinca distanciamento com Sissoco Embaló

Guiné-Bissau: Braima Camará vinca distanciamento com Sissoco Embaló

O Coordenador do Movimento Alternância Democrática (MADEM G-15), Braima Camará, vincou durante a abertura da reunião do Conselho Nacional do…
Cabo Verde: Governo declara situação de emergência social e económica

Cabo Verde: Governo declara situação de emergência social e económica

O Governo de Cabo Verde declarou situação de emergência social e económica no país, uma situação provocada pelos impactos da…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin