Moçambique: Professores respondem em tribunal por venda de marfim

No distrito de Gorongoza, província moçambicana de Sofala, três professores, afectos em escolas locais, vão responder em tribunal nos próximos dias, acusados de venda e tráfico de marfim, anunciaram as autoridades.

O administrador do Parque Nacional das Quirimbas, que está interessada em ver os acusados a responder pelos seus actos, espera que a responsabilização possa desencorajar a prática de crimes ambientais na zona tampão daquela que é uma das maiores áreas de conservação do país.

Sabe-se que os três professores, acusados de serem elementos de grande rede transfronteiriça de abate de elefantes para extração de pontas de marfim, foram capturados no ano passado, entre os distritos de Muanza e Cheringoma, quando pretendiam vender marfim a um cidadão de nacionalidade chinesa.

Em Moçambique, muitas áreas de conservação enfrentam a problemática de caça furtiva, sendo que os elefantes são uma das espécies mais procurada pelos caçadores furtivos.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Moçambique: Governo quer ajudar gestores da LAM a seguirem no caminho correto

Moçambique: Governo quer ajudar gestores da LAM a seguirem no caminho correto

O primeiro-ministro moçambicano, Adriano Maleiane, à margem da cerimónia de apresentação do novo bispo auxiliar da Arquidiocese de Maputo, disse…
Colapso das correntes do Oceano Atlântico pode ocorrer devido às alterações climáticas

Colapso das correntes do Oceano Atlântico pode ocorrer devido às alterações climáticas

A Circulação Termosalina Meridional do Atlântico pode já estar a caminho do colapso, indica um estudo na revista Science Advances,…
Bombardeamentos israelitas causam mais de uma dezena de feridos em Ghazieh

Bombardeamentos israelitas causam mais de uma dezena de feridos em Ghazieh

Esta segunda-feira, Israel bombardeou duas localizações em Ghazieh, a 40km de Beirute, causando em 14 civis feridos. De acordo com…
Cabo Verde: Primeiro-ministro debate conectividade inter-ilhas no Parlamento

Cabo Verde: Primeiro-ministro debate conectividade inter-ilhas no Parlamento

O primeiro-ministro cabo-verdiano, Ulisses Correia e Silva, vai participar num debate parlamentar esta quarta-feira, 21 de fevereiro. O debate acontecerá…