A imagem é liberada livre de copyrights sob Creative Commons CC0. Você pode baixar, modificar, distribuir e usá-los royalty free para qualquer coisa que você gosta, mesmo em aplicações comerciais. A atribuição não é obrigatória.

Moçambique quer mobilização de recursos adicionais para Agenda 2030

Moçambique considera importante a mobilização de recursos adicionais para o financiamento da Agenda 2030, através da adoção de mecanismos de estabilização do financiamento externo para o país. Tal deveria resultar na maior previsibilidade de ajuda externa. 

O posicionamento foi partilhado nesta terça-feira, 29 de setembro, pelo Presidente da República, Filipe Nyusi, na reunião virtual de alto nível sobre financiamento da Agenda 2030 para o desenvolvimento sustentável na era atual e pós-Covid-19. 

Segundo o chefe de Estadoa mobilização de recursos adicionais para o financiamento da Agenda 2030 deve ser feita, igualmente, através, da adoção de medidas para aumentar a entrada de novos financiamentos. Estes estão relacionados com a gestão de um grupo selecionado de fluxos que poderiam gerar impacto significativo a curto prazo. 

Foi ainda partilhado o objetivo de mobilizar o setor privado para financiamento das prioridades da Agenda 2030. 

governante aproveitou a intervenção no evento para falar também sobre a necessidade de adoção de mecanismos mais sustentáveis de financiamento da dívida pública, bem como a adoção de ações para reduzir perdas, essencialmente orientadas para o aumento da eficiência e eficácia na gestão da despesa pública.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Timor-Leste: Estado gasta 53 mil euros por dia em veículos

Timor-Leste: Estado gasta 53 mil euros por dia em veículos

O Ministério das Finanças de Timor-Leste divulgou dados que indicam que o Estado gastou mais de 57 mil dólares americanos…
Brasil: Bolsonaro poderá vir a ser deportado dos EUA

Brasil: Bolsonaro poderá vir a ser deportado dos EUA

No dia 30 de dezembro do ano passado, o então presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, deixou o país rumo ao…
Ato em Lisboa procurou defender a democracia no Brasil

Ato em Lisboa procurou defender a democracia no Brasil

Cerca de 38 organizações portuguesas e quase 300 pessoas assinaram um documento de apoio ao governo democraticamente eleito do Brasil…
Brasil: Empresários do estado do Espírito Santo apostam em investimentos em Portugal

Brasil: Empresários do estado do Espírito Santo apostam em investimentos em Portugal

O investimento social e cultural é o foco da Associação de Portugueses do Estado do Espírito Santo, no Brasil. De…