Moçambique: Restabelecida a rede elétrica em Cabo Delgado

Está desde a tarde da terça-feira, 23 de novembro, restabelecida a corrente elétrica em toda província de Cabo Delgado de acordo com o comunicado de imprensa da Electricidade de Moçambique, E. P. (EDM). A empresa informa os seus clientes e o público em geral que concluiu com sucesso, esta semana, os trabalhos de restabelecimento de energia a todos os distritos da zona norte da Província de Cabo Delgado afectados pelos ataques terroristas.

“Depois de restabelecido o fornecimento da corrente eléctrica nos distritos de Mueda, a 3 de Setembro; Mocímboa da Praia, a 11 de Setembro; Nangade a 27 de Setembro; e Palma, a 8 de Outubro; a energização, a 22 de Novembro, do distrito de Muidumbe, que se encontrava desprovido de energia desde 20 de Agosto de 2020, representa o culminar das intervenções de emergência de curto prazo iniciadas com a recuperação e energização da subestação de Awasse”, refere a nota.

As obras para reposição do fornecimento de energia no norte de Cabo Delgado, segundo a mesma nota, contaram com o financiamento do Governo de Moçambique e fundos próprios da EDM, estando em curso a mobilização de fundos junto dos parceiros de cooperação para reconstrução definitiva do sistema eléctrico daquela região do País.

Aurelio Sambo- Correspondente

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

Militantes e delegados dos partidos MPLA (Angola), FRELIMO (Moçambique), ANC (África do Sul) e SWAPO (Namíbia) terminam neste sábado, 26…
Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

O presidente da Comissão de Administração Pública e Poder Local da Assembleia da República de Moçambique, Francisco Mucanheia, chefiou um…
Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72%…
Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin