Moçambique: Secretário-geral do MDM formaliza candidatura à presidência

O secretário-geral do Movimento Democrático de Moçambique (MDM), José Domingos, formalizou nesta segunda-feira, 27 de setembro, a candidatura à presidência do partido. 

A formalização foi feita a três dias do final do prazo para tal. Recorde-se que o antigo líder do MDM, Daviz Simango, morreu em fevereiro deste ano

No mesmo dia em que anunciou formalmente a sua candidatura, José Domingos foi até à sede do partido na cidade da Beira, acompanhado pelos apoiantes. No local, pediu união por parte de todos os membros do MDM. 

“Estou feliz porque, mais uma vez, os membros do partido que querem o bem do MDM voltaram a confiar em mim para a candidatura à sucessão do engenheiro Daviz Simango. Na nova caminhada esperamos muita união e perdoaremos todos que se opuseram à continuidade e de mãos dadas”, declarou. 

Apesar de a corrida pela liderança desta organização política estar a ser marcada por divergências por parte dos membros do partido, Domingos pediu calma. “Em política temos adversários. Neste momento, alguns pensam que estamos numa guerra titânica, enquanto isso devia ser transformado em festa. Faremos a nossa parte. Continuaremos a trabalhar para dar seguimento às metas traçadas pelo partido para o país”, concluiu. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

Militantes e delegados dos partidos MPLA (Angola), FRELIMO (Moçambique), ANC (África do Sul) e SWAPO (Namíbia) terminam neste sábado, 26…
Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

O presidente da Comissão de Administração Pública e Poder Local da Assembleia da República de Moçambique, Francisco Mucanheia, chefiou um…
Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72%…
Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin