Moçambique: Uso de militares para segurança de Nyusi pode ter causado invasão em Palma

Fontes militares divulgaram a uma publicação moçambicana que a movimentação de elementos das Forças de Defesa e Segurança (FDS) para reforçar segurança do Presidente da República, Filipe Nyusi, em Montepuez pode ter facilitado a invasão da vila de Palma, situada na província de Cabo Delgado. 

Recorde-se que a sede distrital de Palma foi invadida por terroristas na passada quarta-feira, 24 de março, o que levou à morte de dezenas de pessoas. Trata-se do sexto ataque armado a uma vila distrital em apenas um ano, depois das invasões registadas nas vilas de Mocímboa da Praia (por duas vezes), Macomia, Quissanga e Muidumbe. 

Assim, fontes militares consideram que essa movimentação de membros das FDS pode ter ajudado a que a situação se agravasse em Palma. A segurança policial foi reforçada durante a cerimónia de encerramento do VIII curso de Instrução Básica de Prestadores do Serviço Cívico de Moçambique, que teve lugar na passada terça-feira, um dia antes do ataque. 

Dias antes da realização da cerimónia, referiram as mesmas fontes, uma ordem superior do exército moçambicano terá determinado que alguns militares de várias especialidades fossem enviados para o distrito de Montepuez. O objetivo era fortificar os perímetros de segurança da comitiva presidencial. 

Entre os homens destacados encontravam-se alguns que estavam ligados a posições que defendiam o distrito de Palma. Não foi avançado o número de homens movimentados e até que ponto a ausência destes terá facilitado a entrada de terroristas, mas as fontes estranham o sucedido porque o quartel de Mueda tem, alegadamente, militares de sobra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Cabo Verde: Brava anuncia formação gratuita em Marketing Digital

Cabo Verde: Brava anuncia formação gratuita em Marketing Digital

Já estão abertas as inscrições para uma formação gratuita em Marketing Digital na ilha da Brava, avança “A Nação”. Esta…
Ucrânia: Presidente assina pedido de adesão à União Europeia

Ucrânia: Presidente assina pedido de adesão à União Europeia

O Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, assinou nesta segunda-feira, 28 de fevereiro, o pedido formal de adesão à União Europeia…
Ucrânia: Ataque russo em Kharkiv causa 11 mortes

Ucrânia: Ataque russo em Kharkiv causa 11 mortes

O Governo ucraniano afirmou nesta segunda-feira, 28 de fevereiro, que morreram 11 pessoas e centenas ficaram feridas durante um ataque russo…
Angola: Cidadãos angolanos fogem da Ucrânia

Angola: Cidadãos angolanos fogem da Ucrânia

A maioria dos angolanos que viviam em Kharkiv, segunda maior cidade da Ucrânia, decidiu abandonar o local no sábado, 26…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin