Vistos entre Moçambique e a China suspensos devido ao coronavírus

O Governo moçambicano anunciou nesta terça-feira, 28 de janeiro, a suspensão de vistos de viagens de Moçambique para China e vice-versa, devido ao alastramento do contágio pelo coronavírus. 

A decisão foi tomada durante a segunda sessão de Conselho de Ministros, tendo a porta-voz do encontro e ministra da Justiça, Assuntos Constitucionais e Religiosos, Helena Kidaafirmado que a medida é temporária. 

O coronavírus continua a multiplicar-se em vários países e já matou pelo menos 132 pessoas, havendo quase seis mil infetadas. 

Entretanto, a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou que acredita nos métodos da China para conter a transmissão da doença, numa altura em que cidadãos estão a ser repatriados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Cabo Verde interessado em consolidar desenvolvimento sustentável com Portugal

Cabo Verde interessado em consolidar desenvolvimento sustentável com Portugal

O primeiro-ministro cabo-verdiano, Ulisses Correia e Silva, partilhou publicamente a vontade de consolidar o processo de desenvolvimento sustentável em Cabo…
Angola considera "excelentes" as relações com Portugal

Angola considera "excelentes" as relações com Portugal

O Ministério das Relações Exteriores de Angola afirma, através de uma nota de imprensa oficial, que as relações comerciais com…
Banco de Moçambique cancela registo de 15 operadores de microcrédito

Banco de Moçambique cancela registo de 15 operadores de microcrédito

O Banco de Moçambique decidiu cancelar o registo de 15 operadores de microcrédito. Estes passam a estar assim proibidos de…
Cabo Verde e Suíça decidem facilitar vistos de curta duração

Cabo Verde e Suíça decidem facilitar vistos de curta duração

Cabo Verde e Suíça acordaram que vão facilitar a emissão de vistos de curta duração, divulgou o Ministério dos Negócios…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin