Multinacional norte-americana investe milhões no petróleo em Moçambique

O Governo moçambicano e a petrolífera norte-americana Exxon Mobil assinaram, em Maputo, contratos de concessão para pesquisa e produção de petróleo e gás natural.

“O acto que acabamos de testemunhar é o culminar de um processo longo de conversações. Resultaram deste exercício cinco propostas de contratos para prospecção e pesquisa de gás e petróleo”, referiu o ministro dos Recursos Minerais e Energia, Max Tonela. As negociações demoraram quatro anos para serem concluídas esta segunda-feira, 08 de outubro.

“Hoje celebramos um marco importante para indústria do gás e petróleo em Moçambique. Este acto realça a presença da Exxon Mobil no país e destaca um compromisso de longo prazo no desenvolvimento do potencial da indústria de hidrocarbonetos em Moçambique”, disse Jos Evens, o diretor-geral da firma.

A multinacional vai investir, no mínimo, 100 milhões de dólares nesta pesquisa, tendo sido dada oficialmente luz verde para o arranque dos trabalhos de investigação e produção de hidrocarbonetos na zona costeira de Angoche e Delta do Zambeze.

Nos contratos assinados é referido um período máximo de oito anos para a prospecção e pesquisa de petróleo e gás natural, além de serem mencionadas obrigações de trabalhos mínimos que incluem estudos, aquisição de dados sísmicos e perfuração de poços a várias profundidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Angola: Moco diz que MPLA receia enfrentar Costa Júnior

Angola: Moco diz que MPLA receia enfrentar Costa Júnior

O ex-primeiro-ministro angolano e militante do MPLA, Marcolino Moco, afirmou que o partido no poder, tal como o líder João…
Moçambique quer fortalecer cooperação com STP na Educação

Moçambique quer fortalecer cooperação com STP na Educação

A Embaixadora de Moçambique em São Tomé e Príncipe, Osvalda Joana, partilhou a vontade do país que representa em reforçar…
Cabo Verde: PAICV quer vencer as seis câmaras municipais de Santiago Norte em 2024

Cabo Verde: PAICV quer vencer as seis câmaras municipais de Santiago Norte em 2024

A presidente da Comissão Política Regional do PAICV em Santiago Norte, Carla Carvalho, afirmou que o “grande desafio” do mandato…
Portugal pondera aumentar número de turmas para crianças ucranianas

Portugal pondera aumentar número de turmas para crianças ucranianas

O ministro da Educação em Portugal, Tiago Brandão Rodrigues, reafirmou nesta sexta-feira, 11 de março, que as escolas portuguesas estão preparadas…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin