Nyusi lança candidatura de Moçambique ao Conselho de Segurança da ONU

O chefe de Estado moçambicano, Filipe Nyusi, vai lançar nesta quinta-feira, 16 de setembro, a Campanha de Candidatura de Moçambique a Membro Não-Permanente do Conselho de Segurança das Nações Unidas para 2023-2025.

O lançamento da candidatura irá decorrer no Centro Internacional de Conferências Joaquim Chissano. Depois, ocorrerá a decisão nesse sentido tomada há cerca de um ano pelo Governo moçambicano.

A candidatura trata-se de uma iniciativa que recebeu o apoio da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC, na sigla inglesa) e da União Africana (UA).

As eleições para o Conselho de Segurança das Nações Unidas irão ser feitas durante a 76.ª Sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova Iorque. O evento está agendado para junho de 2022.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Mercados voláteis de energia vieram para ficar, alerta Agência Internacional de Energia

Mercados voláteis de energia vieram para ficar, alerta Agência Internacional de Energia

Os preços da energia em todo o mundo atingiram níveis recordes com uma crise de energia que atinge a Europa…
Cabo Verde: Neves liga Veiga a "movimentos extremistas"

Cabo Verde: Neves liga Veiga a "movimentos extremistas"

O candidato presidencial José Maria Neves voltou a afirmar que o rival Carlos Veiga tem ligação a “movimentos extremistas”. Como tal, considera…
Programa "Detetives das Emoções" ajuda a combater a ansiedade e depressão em crianças

Programa "Detetives das Emoções" ajuda a combater a ansiedade e depressão em crianças

Um estudo piloto realizado por uma equipa da Universidade de Coimbra (UC), indica que o programa de intervenção psicológica vulgarmente…
Estudantes de jornalismo com motivações altas e expectativas baixas sobre o seu futuro profissional

Estudantes de jornalismo com motivações altas e expectativas baixas sobre o seu futuro profissional

Uma grande percentagem dos alunos que frequentam os cursos de jornalismo e comunicação em Portugal não acredita na possibilidade de…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin