Países juntos da CPLP considerados 10.ª maior economia mundial

Os nove membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), juntos, representariam a 10.ª maior economia mundial. Esta é a conclusão tirada da base de dados do Fundo Monetário Internacional (FMI). 

Ao todo, estes países valeriam 1,8 biliões de dólares (cerca de 1,5 biliões de euros), ficando abaixo do Canadá e acima da Coreia do Sul, numa lista liderada pelos Estados Unidos da América. Tal dever-se-ia à junção do Produto Interno Bruto (PIB) de Portugal, Brasil, Angola, Cabo Verde, Guiné Equatorial, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste. 

O Brasil é o país que detém a maior riqueza da lusofonia, através de um PIB avaliado em 1,4 biliões de dólares. Em segundo está Portugal, com um PIB de 257 mil milhões de dólares. O último lugar é ocupado por São Tomé e Príncipe, com 485 milhões. 

O FMI prevê que o valor destas economias vai crescer 9,1% no próximo ano, chegando ao final de 2022 com uma riqueza total de 2,014 biliões de dólares, equivalentes a 1,65 biliões de euros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Revista de Imprensa Lusófona de 15 de setembro de 2021

Revista de Imprensa Lusófona de 15 de setembro de 2021

Em Portugal o “Público” destaca o título “Autárquicas 2021: Mais de 80% dos presidentes de câmara recandidatam-se, metade entra no…
Noruega abre duas novas áreas offshore para captura e armazenamento de carbono

Noruega abre duas novas áreas offshore para captura e armazenamento de carbono

O governo norueguês lançou duas novas áreas para injeção e armazenamento de dióxido de carbono na plataforma continental norueguesa. O…
Angola: Partidos passam a assumir despesas da fiscalização do registo eleitoral

Angola: Partidos passam a assumir despesas da fiscalização do registo eleitoral

O diretor nacional para o Registo Eleitoral Oficioso, Fernando Paixão, informou que os partidos políticos terão de assumir as despesas…
Reduzir o açúcar em alimentos embalados pode prevenir doenças em milhões de pessoas

Reduzir o açúcar em alimentos embalados pode prevenir doenças em milhões de pessoas

Cortar 20% do açúcar dos alimentos embalados e 40% das bebidas poderia prevenir 2,48 milhões de eventos de doenças cardiovasculares…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin