ONG preocupada com “deterioração dos direitos humanos” na Guiné Equatorial

A organização não-governamental (ONG) Transparência Internacional Portugal (TI Portugal) partilhou que recebeu relatos de ameaças à mão armada contra o ativista Joaquín Elo Ayeto, além de notícias acercada convocação pelo Ministério do Interior de Noelia Asama. A informação foi avançada pela “Lusa”. 

Através de um comunicado divulgado pela referida ONG, esta encontra-se preocupada com a “recente e súbita deterioração dos direitos humanos na Guiné Equatorial”. Foi nesse documento que citou relatos de ameaças contra ativistas. 

“A TI Portugal recebeu relatos de ameaças à mão armada contra o ativista Joaquín Elo Ayeto, assim como notícias sobre a convocação pelo Ministério do Interior de Noelia Asama, por esta estar a exercer a sua liberdade de expressão, à semelhança do que já sucedeu no passado, embora agora não tenha sido presa”, lê-se ainda. 

Ayeto, também conhecido como ‘Paysa’, esteve detido durante quase um ano por suspeitas de “ter informações sobre um plano para assassinar o Presidente” equato-guineense, Teodoro Obiang Nguema. O visado foi sujeito a tortura na prisão

A diretora executiva da TI Portugal, Karina Carvalho, lembrou no comunicado que é “importante que os compromissos assumidos pela Guiné Equatorial em termos de governação no quadro de mecanismos de apoio estabelecidos com organizações internacionais, como o Fundo Monetário Internacional, sejam acompanhados de ações positivas e sustentáveis designadamente o respeito pela liberdade de expressão”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

Militantes e delegados dos partidos MPLA (Angola), FRELIMO (Moçambique), ANC (África do Sul) e SWAPO (Namíbia) terminam neste sábado, 26…
Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

O presidente da Comissão de Administração Pública e Poder Local da Assembleia da República de Moçambique, Francisco Mucanheia, chefiou um…
Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72%…
Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin