Portugal leva 30 empresas para a FILDA em Angola

O encarregado de negócios de Portugal em Angola, José Correia, informou que um total de 30 empresas portuguesas já confirmou a participação na 38.ª Feira Internacional de Luanda (FILDA/2022). O evento vai decorrer de 12 a 16 de julho, na Zona Económica Especial Luanda-Bengo. 

Ainda de acordo com José Correia, das 30 empresas já confirmadas, 14 participam pela primeira vez. A seu ver, trata-se de uma clara manifestação de confiança no atual ambiente de negócios em Angola e nos “bons” resultados das reformas económicas aplicadas pelo Governo angolano. 

“Há um conjunto de empresas já presentes no mercado, como a Petrotec e a Quinta dos Jugais, mas também empresas que estarão presentes na FILDA pela primeira vez, com a intenção de identificar novos parceiros de negócios”, declarou, citado pelo “Jornal de Angola”. 

“Devemos referir, com muita satisfação, que, também pela primeira vez, instituições de ensino superior portuguesas vão marcar presença na FILDA. Esta aposta é, claramente, um testemunho de confiança neste mercado e neste país”, acrescentou.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Cabo Verde: Orlando Dias apresenta Nova Carta Política para unir o MpD e a Nação

Cabo Verde: Orlando Dias apresenta Nova Carta Política para unir o MpD e a Nação

O candidato à presidência do MpD, Orlando Dias, iniciou 2023 com a apresentação de uma Nova Carta Política para unir…
Angola: UNITA promete mudanças na Lunda Norte

Angola: UNITA promete mudanças na Lunda Norte

O novo secretário provincial da UNITA na Lunda Norte, Francisco Cacoma, prometeu na terça-feira, 03 de janeiro, que vai adotar…
Moçambique: Presidente de Quelimane promete pagar 13º mês de 2022

Moçambique: Presidente de Quelimane promete pagar 13º mês de 2022

O Presidente do Município da Cidade de Quelimane, na Província da Zambézia, Manuel de Araújo, prometeu, na tarde de 4…
Timor-Leste: PIB não-petrolífero subiu 3,9% em 2022

Timor-Leste: PIB não-petrolífero subiu 3,9% em 2022

O Produto Interno Bruto (PIB) não-petrolífero de Timor-Leste cresceu 3,9% em 2022, de acordo com os dados provisórios do Ministério das Finanças. …