São Tomé e Príncipe: Início da discussão do Orçamento Geral do Estado 2022, na Assembleia Nacional

Teve início esta segunda-feira, 13 de dezembro, no Parlamento São-Tomense, a discussão para votação do Orçamento Geral do Estado, OGE de 2022.

A sessão teve o seu início com os 55 deputados, que compõe o Parlamento São-Tomense, tendo o governo, liderado pelo Primeiro-ministro Jorge Bom Jesus, com uma maioria de 28 deputados que dão assim a maioria Parlamentar, sendo que, 23 deputados do MLSTP-PSD e 5 da coligação PCD-MDFM-UDD, a oposição com 25 deputados do partido ADI e 2 deputados independentes do Movimento Cauê.

Recorde-se que, a coligação PCD-MDFM-UDD, através do seu líder parlamentar, Danilson Cotu, já havia garantido à cerca de um mês, o voto favorável desta coligação ao projeto do Orçamento Geral do Estado-2022.

O Orçamento Geral para o ano económico 2022 está avaliado em cerca de 158 milhões de Euros, o Ministro São-Tomense das Finanças, Engrácio da Graça disse que o OGE de 2022 é suportado em cerca 51% por recursos externos e quase 48,9% através de recursos internos.

Além de ter declarado que se prevê no quadro orçamental, um crescimento da economia na ordem de 2,8% do PIB, o Ministro Engrácio Graça falou ainda da inflação na ordem 7,5% do PIB, bem como a inclusão de um processo negocial visando a implementação do reajuste salarial, na função pública.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

O presidente da Comissão de Administração Pública e Poder Local da Assembleia da República de Moçambique, Francisco Mucanheia, chefiou um…
Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72%…
Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

O Presidente russo, Vladimir Putin, apelou ao Exército ucraniano para que retirasse o apoio ao Governo ucraniano, o que significa…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin