São Tomé e Príncipe

Fundo China-Países de Língua Portuguesa procura projectos em STP

“O Fundo de Cooperação e Desenvolvimento China-Países de Língua Portuguesa está à procura de projectos em São Tomé e Príncipe”, país que restabeleceu relações diplomáticas com a China em Dezembro de 2016, disse a secretária-geral do Fórum de Macau, Xu Yingzhen.

Visando estabelecer contactos com empresários e recolher informações sobre os projectos em perspetiva, no sentido de acelerar investimentos, representantes do referido Fundo vão participar, em 8 e 9 de Julho, no 14º Encontro Empresarial China-Países de Língua Portuguesa, que vai decorrer pela primeira vez em São Tomé e Príncipe.

São Tomé e Príncipe foi o último país a aderir ao Fórum para a Cooperação Económica e Comercial entre a China e os Países de Língua Portuguesa (Fórum de Macau), meses depois de romper relações diplomáticas com Taiwan em 2016.

No 14º Encontro Empresarial China-Países de Língua Portuguesa, participam delegações de empresários dos países de língua portuguesa, instituições públicas de promoção de comércio e de investimento e ainda empresários de municípios e províncias do interior da China.

Segundo Xu Yingzhen, o Fundo – que tem uma dotação de mil milhões de dólares e é gerido pelo Banco de Desenvolvimento da China – já investiu até agora 120 milhões de dólares em cinco projectos, quatro em países de língua portuguesa, que não especificou, e um em Macau. Em 2017, a sede do fundo chinês foi transferida de Pequim para Macau para facilitar o contacto com potenciais interessados.

 

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo