São Tomé e Príncipe

Guarda-costas de Patrice Trovoada morre em acidente de viação

O Ajudante de Campo do Primeiro-Ministro São-Tomense, Patrice Trovoada, morreu no sábado dia 23 Abril, num acidente de viação no sul de São Tomé e Príncipe.

O acidente que provocou a morte de Adilson César, 37 anos, capitão das Forças Armadas de São Tomé e Príncipe (FASTP), ocorreu por volta das 18 horas, na localidade de Água Izé, perto da ponte sobre o rio Abade, quando a viatura que seguia em direção á Cidade de São João dos Angolares embateu noutra viatura que circulava no sentido contrário.

O Primeiro Ministro já reagiu a morte do seu ajudante de campo através da sua conta no facebok e considerou ‘trágico’ o desaparecimento de um jovem promissor, oficial discreto, dedicado, atento, um modelo para os jovens, cuja atitude e comportamento dava muita esperança e confiança no futuro da instituição militar.

Através de comunicado, o chefe do Governo considerou ainda o capitão Adilson César um militar “leal, patriótico que prestou altos serviços a pátria”, aproveitando para  apresentar á família enlutada os seus votos de pesar.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo