Ásia | Diplomacia | São Tomé e Príncipe

São Tomé e Príncipe restabelece oficialmente relações diplomáticas com a China

Uma semana após o anúncio da retirada do reconhecimento diplomático a Taiwan, São Tomé e Príncipe oficializa esta segunda-feira, 26 de dezembro, o restabelecimento de relações diplomáticas com a China, com a assinatura de um comunicado conjunto do ministro dos negócios estrangeiros chinês, Wang Yi, e do seu homólogo santomense, Urbino Botelho.

David Lee, ministro dos negócios estrangeiros de Taiwan, revelou que São Tomé e Príncipe exigira a Taipé uma ajuda financeira “astronómica” para manter os compromissos diplomáticos.

Taiwan, que se designa “República da China”, está politicamente separada da República Popular da China desde que os comunistas tomaram o poder em 1949. Através do “princípio de uma China única”, Pequim tenta proibir que os seus parceiros mantenham relações diplomáticas com o governo de Taipé. Todavia, 21 estados reconhecem diplomaticamente Taiwan, entre os quais o Vaticano, Suazilândia, Burquina Faso, bem como pequenos países na América central, Caraíbas e Pacifico.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo