STP: CEN confirma vitória do ADI nas eleições legislativas

O presidente da Comissão Eleitoral Nacional (CEN) de São Tomé e Príncipe, José Carlos Barreiros, divulgou os dados preliminares das eleições de 25 de setembro nesta terça-feira, dia 27 do mesmo mês. 

O partido ADI, liderado pelo ex-primeiro-ministro Patrice Trovoada, venceu as eleições legislativas com um total de 36.549 votos. 

Em segundo lugar ficou o MLSTP/PSD, do primeiro-ministro Jorge Bom Jesus, com 25.531 votos. Seguiram-se o Movimento Basta, de Salvador Ramos, com 6.874 votos, e o Movimento de Cidadãos Independentes MCI/PS-PUN, com 5.120 votos. 

Já o MDFM/UL, de Miguel Gomes, teve 1.601 votos; o UDD, de Carlos Neves, 731 votos; o CID-STP, de Nelson Carvalho, 472 votos; Muda Tomé, de Vera Cruz, 389; Partido Novo, de Abílio dos Santos, 352; Partido Verde, de Elsa Garrido, 271; e PTOS, de Victor Rosário, 195 votos. 

A taxa de abstenção foi de 34,33%, informou ainda José Carlos Barreiros, que não apresentou a distribuição de mandatos por partido, como é habitual, tendo deixado essa tarefa para o Tribunal Constitucional

Quanto aos resultados das eleições autárquicas e regional do Príncipe, também realizadas no domingo, não foram apresentados pela CEN.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Moçambique: FMI prevê elevado crescimento do crédito à economia

Moçambique: FMI prevê elevado crescimento do crédito à economia

O Fundo Monetário Internacional (FMI) estima um crescimento considerável do crédito à economia em 2023 para Moçambique.  Se isso se…
Angola: Governo entrega proposta do OGE 2023 até 15 de dezembro

Angola: Governo entrega proposta do OGE 2023 até 15 de dezembro

O Governo angolano assegurou nesta quinta-feira, 24 de novembro, que vai entregar a proposta do Orçamento Geral do Estado (OGE)…
Cabo Verde regista três casos da sub-linhagem da variante Ómicron “BQ.1.1”

Cabo Verde regista três casos da sub-linhagem da variante Ómicron “BQ.1.1”

Segundo a Ministra da Saúde de Cabo Verde, Filomena Gonçalves, desde o início de novembro houve um pequeno aumento dos…
Portugal reconhece qualificações académicas de 100 refugiados ucranianos

Portugal reconhece qualificações académicas de 100 refugiados ucranianos

A Direção-Geral do Ensino Superior (DGES) de Portugal já reconheceu as qualificações académicas de cerca de 100 cidadãos ucranianos desde…