STP começa a receber os primeiros materiais de combate ao Coronavírus

O governo santomense recebeu, no fim de semana, materiais e equipamentos de combate ao novo coronavírus enviados pela União Africana. São doações da Fundação Jack Ma, o multimilionário chinês, à organização continental para serrem distribuídas aos países mais vulneráveis.

«São máscaras de vários tipos, umas de uso público e outras para profissionais da saúde, fatos de proteção individual, kits que permitem fazer testes de DNA do Covid-19, mas cujo aparelho ainda não chegou ao país», disse aos jornalistas o ministro da Saúde.

Edgar Neves não avançou a quantidade dos materiais descarregados nas primeiras horas deste domingo, reconhecendo, porém, que “nunca são as ideais, mas são bastante satisfatórias para uma população de 200 mil habitantes”.

Em “meados da próxima semana” são esperados “outros apoios oferecidos pela Organização Mundial da Saúde, OMS”.

Estas ajudas juntam-se as que foram concedidas pela República Popular da China, que foram entregues pela sua representação diplomática ao Ministério da Saúde, e pelo Partido Verde ao Hospital Ayres Menezes.

Por outro lado, os testes às amostras recolhidas aleatoriamente em 25 passageiros que se encontram em quarentena desde o dia 21 deste mês deram negativos. As análises foram feitas no Instituto de Saúde Pública Ricardo Jorge, em Portugal.

«Pelo relatório que recebi, não há nenhuma situação que nos deixe alarmados, os testes deram todos negativos», garantiu Edgar Neves.

Enquanto isso, o executivo vai propor ao presidente da República, Evaristo Carvalho, a prorrogação do estado de emergência para mais 15 dias, face “à evolução dramática da pandemia Covid-19 no mundo e, considerando, que internamente ainda não estão reunidas todas condições de diagnósticos e respostas”.

O chefe do governo fez o anúncio no final de uma reunião do comité de crise criada no âmbito da prevenção contra o novo coronavírus.

O estado de emergência decretado pelo chefe de estado entrou em vigor no dia 20 deste mês e termina no próximo dia 03 de abril.

Jorge Bom Jesus pediu “união, solidariedade, maturidade política e muita responsabilidade dos decisores políticos” no combate à doença.

Acrescentou que «as agendas pessoais ou de grupos não podem sobrepor-se aos superiores interesses da nação santomense”, sublinhando que o seu governo “continua a trabalhar nas várias frentes de prevenção e combate a esta pandemia”.

Por outro lado, Bom Jesus disse que o executivo está a trabalhar “na finalização de um plano de mitigação do impacto económico, financeiro e social” que será aprovado na próxima sessão do conselho de ministros “cujas linhas orientadoras foram partilhadas com os parceiros de concertação social”.

O primeiro-ministro referiu ainda que alguns cidadãos estrangeiros continuam retidos em São Tomé “por ausência de voos”. Por isso, orientou o ministro da Defesa e Ordem Interna para autorizar a prorrogação automática dos vistos de permanência por 30 dias sem custos adicionais para os beneficiários.

A mobilização social para a prevenção do novo coronavírus está aumentar. Agências internacionais, como o FNUAP, empresas de construção, como Greenbird, Lda; e ONG’s como ADRA, estão a apoiar na instalação de lavatórios em vários pontos da capital. Várias organizações da sociedade civil estão igualmente envolvidas na sensibilização, sobretudo nas comunidades.

Por outro lado, há também comportamentos de risco criticados pelo ministro da Saúde, Edgar Neves. As feirantes continuam a realizar as suas atividades naturalmente. Uma das razões é continuar a sobreviver e a ausência de espaços organizados para reduzir a concentração.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Banco de Moçambique cancela registo de 15 operadores de microcrédito

Banco de Moçambique cancela registo de 15 operadores de microcrédito

O Banco de Moçambique decidiu cancelar o registo de 15 operadores de microcrédito. Estes passam a estar assim proibidos de…
Cabo Verde e Suíça decidem facilitar vistos de curta duração

Cabo Verde e Suíça decidem facilitar vistos de curta duração

Cabo Verde e Suíça acordaram que vão facilitar a emissão de vistos de curta duração, divulgou o Ministério dos Negócios…
Timor-Leste: Debate de candidatos presidenciais adiado para 15 de março

Timor-Leste: Debate de candidatos presidenciais adiado para 15 de março

O Vice-Presidente da Comissão Nacional de Eleições (CNE), Domingos Barreto, informou que o debate público dos candidatos à Presidência da…
Moçambique: Maleiane ocupa cargo de primeiro-ministro

Moçambique: Maleiane ocupa cargo de primeiro-ministro

O chefe de Estado moçambicano, Filipe Nyusi, confere posse a Adriano Maleiane nesta sexta-feira, 04 de março. O ex-ministro da…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin