São Tomé e Príncipe

STP: Consórcio liderado pela BP financiou o projeto de abastecimento de água de Mesquita

A companhia petrolífera British Petroleum (BP) e os seus parceiros, nomeadamente, a Agência Nacional do Petróleo de São Tomé e Príncipe (ANP-STP) e a Kosmos Energy (KE) financiaram um sistema de abastecimento de água em Mesquita, com o objetivo de melhorar o fornecimento deste líquido vital às comunidades de São Tomé.

De acordo com um comunicado distribuído à imprensa, o referido sistema consistiu na construção de um depósito 1000 m3 para armazenar o excedente de água proveniente da captação do Rio Douro que, depois de tratada, vai abastecer mais de 40 mil pessoas nas localidades dos distritos de Lobata e Água.

Este depósito liga mediante uma conduta de 5 km a um outro de 500 m3 construído em Maianço, recentemente inaugurado pelo primeiro-ministro.

A execução deste sistema de reservatório de água, representa uma grande melhoria estrutural, que vem contribuir para o fornecimento contínuo e regular de água a algumas localidades dos referidos distritos, incluindo o bairro Campo de Milho e o Hospital Central Ayres de Menezes.

O projeto realizado em parceria com a Empresa de Água e Eletricidade (EMAE) e o Ministério das Obras Públicas, Infraestruturas e Recursos Naturais e Ambiente, teve o seu início em fevereiro de 2019, e esteve a cargo da empresa santomense CONSTROME, que executou as obras dentro do prazo e conforme planeado e orçamentado, especifica a nota

Para o representante da BP São Tomé e Príncipe, “este projeto de infraestrutura é um forte símbolo de colaboração entre a BP e os seus parceiros, nomeadamente a ANP-STP e a Kosmos Energy, trabalhando juntos para melhorar o bem-estar dos cidadãos em São Tomé e Príncipe.

Daniel Ndzi Shirmboh espera continuar a trabalhar em conjunto com as autoridades na capacitação e na melhoria das condições de vida do povo de São Tomé e Príncipe”.

O ministro das Obras Públicas, Infraestruturas, Recursos Naturais e Ambiente, Osvaldo Abreu, por sua vez, afirmou que a entrada em funcionamento do reservatório de Mesquita, vai permitir que muitas comunidades que enfrentavam escassez de água potável, passem a beneficiar deste precioso líquido com regularidade, acrescenta a nota.

O projeto de abastecimento de água faz parte dos programas de investimento social da BP em São Tomé e Príncipe, onde em conjunto com a Kosmos Energy e a ANP-STP estão a realizar atividades de exploração de hidrocarbonetos offshore nos Blocos 10 e 13 da Zona Económica Exclusiva.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo