STP: Governo lança no distrito de Lobata 3ª Campanha Contra Filaríade Linfática

O Governo são-tomense, através do ministro da saúde Edgar Neves, fez esta terça-feira no Liceu “Mé-chinhô”, no distrito de Lobata, o lançamento da campanha nacional contra a Filaríase Linfática ou Giba.

Trata-se da terceira campanha em massa contra a filaríase linfática vulgarmente conhecida por Giba. A cerimónia contou com a presença da representante da OMS, Anne Ancia, do Presidente da Câmara de Lobata, Arlindo Guê, da Delegada Distrital da Saúde, Deolsanik Viegas e de outros convidados e alunos.

No lançamento da campanha Edgar Neves disse que “ a realização destas campanhas foram feitas após alguns estudos realizados para conhecer melhor a situação da população cujos resultados demonstraram que o país é endémico na totalidade. Neste contexto o Governo desde 2017 vem realizando a campanha profilática contra a doença”.

Edgar Neves referiu ainda que “ nas duas primeiras campanhas já realizadas houve êxitos, porque houve grande participação da população e esta terceira possivelmente será a última, dependendo da participação da população”.

Já a represente da OMS Anne Ancia afirmou que ” a cobertura das duas campanhas anteriores em 2018 e 2019 foi superior à 80%. Um resultado favorável que ajuda na eliminação da Giba como problema de saúde pública no país. Após este tratamento colectivo haverá, em 2021, a primeira avaliação do impacto destas campanhas que permitem determinar se efetivamente alcançamos a eliminação de metade como é desejado”.

Ancia sustentou que “é importante sublinhar que os medicamentos utilizados para tratar a Filaríase Linfática vão também tratar as parasitoses intestinais e assim melhorar a nutrição e bem-estar de todos”.

A Delegada da Saúde para o distrito de Lobata, Deolsanik Viegas, disse que “ a filaríase linfática é uma doença que podemos evitar se todos nós agirmos de forma responsável. Mas por causa de receios de discriminação e tabus dos pacientes com a doença que atinge as pernas, seios, braços, testículos e grandes lábios genitais, particularmente nos grandes lábios genitais, muitos não chegam atempadamente ao centro hospitalar para obterem os cuidados recomendados”.

Está campanha vai abranger toda a franja da população com idade superior a dois anos excluindo as mulheres grávidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *



Artigos relacionados

Dieta saudável rica em fruta pode reduzir risco de diabetes tipo 2

Dieta saudável rica em fruta pode reduzir risco de diabetes tipo 2

Num estudo com 7.675 australianos, o maior consumo de frutas foi associado a melhores índices de tolerância à glicose e…
Cabo Verde: PAICV preocupado com pobreza no Paul

Cabo Verde: PAICV preocupado com pobreza no Paul

O dirigente da bancada do PAICV, Nilton Delgado, realçou no discurso feito na sessão solene da Assembleia Municipal do Paul que a pobreza é o maior desafio neste concelho. …
A falta de educação matemática afeta negativamente o desenvolvimento do cérebro

A falta de educação matemática afeta negativamente o desenvolvimento do cérebro

Um novo estudo, publicado este mês no Proceedings of the National Academy of Sciences, mostra que, dentro da mesma sociedade,…
Moçambique: Total diminui força de trabalho no país

Moçambique: Total diminui força de trabalho no país

A petrolífera francesa Total decidiu reduzir a sua força de trabalho em Moçambique, na sequência do recente ataque armado contra Palma. Recorde-se que este local é…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin