Cuba quer continuar a dar apoio médico a Timor-Leste

O terceiro secretário da Embaixada de Cuba em Díli, José Ernesto Díaz Pérez, informou que o seu país continua empenhado em apoiar a saúde em Timor-Leste

“A vontade política foi uma constante durante quase 20 anos de relações diplomáticas bilaterais. Cuba manteve e mantém uma política de apoio e solidariedade com Timor-Leste, que é transversal a todo o programa da Brigada Médica Cubana (BMC), afirmou, citado pela “Lusa”. 

Foram realizadas, desde 2003, mais de 13,6 milhões de consultas por médicos cubanos em todo o território timorense. Em alguns locais são os únicos especialistas a trabalhar em Timor-Leste. 

Durante os últimos quase 20 anos, os médicos cubanos foram responsáveis por mais de 134 mil cirurgias e apoiaram mais de 25.500 nascimentos. Nos primeiros dez meses de 2021 foram dadas mais de 240 mil consultas por médicos cubanos.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Moçambique recebe do Japão cinco viaturas de bombeiros

Moçambique recebe do Japão cinco viaturas de bombeiros

O Governo japonês disponibilizou cerca de 170 mil dólares a Moçambique para a aquisição de cinco viaturas destinadas ao Serviço…
Angola: Reintegrados mais de 500 ex-militares em ações contra fome e pobreza

Angola: Reintegrados mais de 500 ex-militares em ações contra fome e pobreza

A vice-governadora provincial para o setor Político, Social e Económico de Benguela, Lídia Amaro, afirmou que 593 ex-militares foram reintegrados…
Banco Mundial indica crescimento de 4,1% para Timor-Leste

Banco Mundial indica crescimento de 4,1% para Timor-Leste

O Banco Mundial prevê que Timor-Leste registe um crescimento económico de 4,1% em 2024 e 2025, através do alívio das…
UE doa 50 milhões de euros à ONU para refugiados palestinianos

UE doa 50 milhões de euros à ONU para refugiados palestinianos

A União Europeia (UE) anunciou o envio da próxima parcela de 50 milhões de euros para a Agência das Nações…