ONU recomenda a Timor-Leste cooperação com várias entidades para eleições

bandeira de Timor-Leste

A Missão de Aconselhamento Eleitoral da Organização das Nações Unidas (ONU) recomendou ao Secretariado Técnico da Administração Eleitoral (STAE) que cooperasse com todas as entidades para uma preparação adequada das próximas eleições presidenciais e parlamentares. Recorde-se que as presidenciais estão marcadas para 2022 e as parlamentares para 2023. 

O Diretor-Geral do STAE, Acilino Branco, pediu transparência à equipa do secretariado através da publicação das atividades eleitorais dos partidos, bem como o reforço dos trabalhos no terreno. 

“A missão de aconselhamento eleitoral está empenhada em ajudar o processo eleitoral em Timor-Leste. Esta organização internacional prestará o seu apoio através do PNUD [Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento], de acordo com a sua capacidade e a nossa necessidade”, afirmou. 

O PNUD está a auxiliar, atualmente, o secretariado a implementar o cartão eleitoral biométrico no país.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Projeto para combate ao desperdício de pescado

Projeto para combate ao desperdício de pescado

Investigadores da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP) e do Centro Interdisciplinar de Investigação Marinha e Ambiental (CIIMAR-UP)…
Chile: Presidente ordena entrega de nota de protesto à Venezuela

Chile: Presidente ordena entrega de nota de protesto à Venezuela

O presidente chileno, Gabriel Boric Font, instruiu o Ministro das Relações Externas, Alberto Van Klaveren, a enviar uma nota de…
Crianças que usam ecrãs à refeição estão mais propensas à obesidade

Crianças que usam ecrãs à refeição estão mais propensas à obesidade

Um estudo da Universidade do Minho (UMinho) concluiu que as crianças que utilizam ecrãs durante as refeições estão mais propensas…
Angola: Chivukuvuku diz que FPU aceitou resultados eleitorais por pressão internacional

Angola: Chivukuvuku diz que FPU aceitou resultados eleitorais por pressão internacional

O coordenador do projeto político PRA-JA, Abel Chivukuvuku, afirmou que a Frente Patriótica Unida (FPU) venceu as eleições de 2022,…