Timor-Leste AMP não quer renovar mandato de Mari Alkatiri em Oecusse

A Aliança de Mudança para o Progresso (AMP), coligação do Governo timorense, anunciou esta segunda-feira, 17 de junho, que propôs ao primeiro-ministro, Taur Matan Ruak, a não renovação do mandato de Mari Alkatiri como presidente da Zona Especial de Economia Social de Mercado (ZEESM) e da Região Administrativa Especial de Oecusse-Ambeno (RAEOA).

Essa posição foi aprovada, por unanimidade, na reunião de dois dias dos três partidos que integram a AMP, que decorreu no fim de semana, informou oficialmente a coligação. “A AMP reitera a posição de cumprir o compromisso eleitoral de 2018, para não reconduzir o mandato do atual presidente da RAEOA. Apelamos ao senhor primeiro-ministro Taur Matan Ruak para informar da decisão ao Presidente da República”, pode ler-se no documento divulgado.

No encontro estiveram presentes membros do Governo, deputados e dirigentes do Congresso Nacional da Reconstrução Timorense (CNRT), do Partido Libertação Popular (PLP) e do Kmanek Haburas Unidade Nacional Timor Oan (KHUNTO), tendo-se destacado a ausência do dirigente do CNRT, Xanana Gusmão. No entanto, o secretário-geral Francisco Kalbuadi Lay esclareceu posteriormente que esteve presente em representação do líder ausente.

A reunião foi convocada para se efetuar uma “avaliação profunda e consolidar o trabalho da AMP, do VIII Governo e do Parlamento Nacional” e, ao mesmo tempo, “promover a estabilidade e impulsionar o desenvolvimento nacional”.

Da conferência saíram várias resoluções, incluindo o reafirmar da confiança na liderança de Taur Matan Ruak no cargo de primeiro-ministro e no Conselho Diretivo da AMP, para “facilitar a comunicação entre o Parlamento Nacional e o Governo para trabalhar em prol do bem-estar” do povo timorense.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

BRASIL: Brasileiros deixam a Ucrânia enquanto o país discute situação agroalimentar

BRASIL: Brasileiros deixam a Ucrânia enquanto o país discute situação agroalimentar

O governo brasileiro informou que a Embaixada do Brasil em Kiev “permanece aberta e dedicada, com prioridade, desde o agravamento…
Guiné-Bissau: Ninguém sabe qual dos 8 vice-presidentes pode substituir o presidente do PRS

Guiné-Bissau: Ninguém sabe qual dos 8 vice-presidentes pode substituir o presidente do PRS

A directiva assinada pelo presidente do Partido da Renovação Social (PRS), Alberto Nambeia, de 17 de Janeiro, mas conhecida só…
Moçambique: Ataques Macabros em Macomia

Moçambique: Ataques Macabros em Macomia

Terroristas atacaram numa emboscada no Domingo passado 06 de Março um grupo de milicianos denominado por força local da aldeia…
RCA: Djamila, 13 anos, violada e esventrada por elementos da Wagner

RCA: Djamila, 13 anos, violada e esventrada por elementos da Wagner

Djamila era uma criança de apenas 13 anos que foi esventrada para eliminar o fruto de uma serie de violações…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin