Timor-Leste: Aprovada lei eleitoral para Presidente da República

O Conselho de Ministros de Timor-Leste aprovou o projeto de Proposta de Lei para a sexta alteração à Lei n.º 7/2006, de 28 de dezembro, sobre a Lei Eleitoral para o Presidente da República. O documento foi apresentado pelo ministro da Administração Estatal, Miguel de Carvalho, nesta quarta-feira, 19 de maio. 

“Este projeto de Proposta de Lei já havia sido objeto de deliberação na Reunião do Conselho de Ministros de 08 de abril de 2021. Contudo, devido à introdução de alterações substanciais na fase de redação final, tornou-se necessário submetê-lo a nova deliberação do conselho”, disse o ministro da Presidência do Conselho de Ministros, Fidelis Magalhães. 

Também de acordo com o governante, a alteração do projeto de lei visa adequar-se à situação atual no contexto da pandemia da Covid-19, além de reforçar a capacidade de resposta às necessidades dos cidadãos. 

Outro dos objetivos do documento é fortalecer os requisitos formais da candidatura, bem como clarificar e organizar o processo eleitoral e ainda “facilitar as condições do exercício do direito de voto dos cidadãos”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Ucrânia: Presidente assina pedido de adesão à União Europeia

Ucrânia: Presidente assina pedido de adesão à União Europeia

O Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, assinou nesta segunda-feira, 28 de fevereiro, o pedido formal de adesão à União Europeia…
Ucrânia: Ataque russo em Kharkiv causa 11 mortes

Ucrânia: Ataque russo em Kharkiv causa 11 mortes

O Governo ucraniano afirmou nesta segunda-feira, 28 de fevereiro, que morreram 11 pessoas e centenas ficaram feridas durante um ataque russo…
Angola: Cidadãos angolanos fogem da Ucrânia

Angola: Cidadãos angolanos fogem da Ucrânia

A maioria dos angolanos que viviam em Kharkiv, segunda maior cidade da Ucrânia, decidiu abandonar o local no sábado, 26…
Guerra na Ucrânia causa 422 mil refugiados

Guerra na Ucrânia causa 422 mil refugiados

O Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) partilhou nesta segunda-feira, 28 de fevereiro, que já são mais…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin