Timor-Leste: Aprovado Regime Jurídico da Arbitragem Voluntária

O Parlamento timorense discutiu e aprovou nesta terça-feira, 26 de janeiro, na generalidade, a Proposta de Lei referente ao Regime Jurídico da Arbitragem Voluntária. O documento obteve 57 votos a favor, nenhum voto contra e duas abstenções.

No debate participaram o ministro da Presidência do Conselho de Ministros, Fidelis Magalhães, e o ministro da Justiça, Manuel Cárceres da Costa.

No âmbito da aprovação do Regime Jurídico da Arbitragem Voluntária foi igualmente aprovada a autorização legislativa para proceder a uma alteração ao Código de Processo Civil. Assim, obteve-se a considerada necessária harmonização com o novo regime jurídico.

Magalhães acredita que a criação do “regime jurídico de arbitragem voluntária irá não só melhorar o processo de resolução de disputas nacional, como também contribuir para a melhoria do ambiente de negócios, para a competitividade e para a segurança jurídica, para a nossa atividade comercial e para o aumento de investimentos e de negócios no nosso país”.

A Proposta de Lei pretende ainda resolver as lacunas existentes e completar o ordenamento jurídico nacional, acrescentou. Trata-se de resolver uma “lacuna existente no ordenamento jurídico nacional, relacionada com a arbitragem voluntária”, na medida em que “além da previsão jurídico-constitucional da existência de tribunais arbitrais”, o Código de Processo Civil também “pressupõe a criação do regime jurídico de arbitragem”

Outro dos objetivos é “completar o sistema de resolução de litígios nacional, que deve ser um sistema diversificado e que não esgote o aparelho organizacional dos tribunais do Estado”. A iniciativa permite então “uma alternativa aos tribunais” para a resolução de conflitos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Comunidade ucraniana em Portugal angaria bens para enviar à Ucrânia

Comunidade ucraniana em Portugal angaria bens para enviar à Ucrânia

A comunidade ucraniana de Vila Real, a Norte de Portugal, está a angariar medicamentos, comida enlatada e com muita validade,…
Presidente da Ucrânia apela a soldados russos para saírem do país

Presidente da Ucrânia apela a soldados russos para saírem do país

O Presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, apelou nesta segunda-feira, 28 de fevereiro, aos soldados russos para que deponham as armas e…
Revista de Imprensa Lusófona de 28 de fevereiro de 2022

Revista de Imprensa Lusófona de 28 de fevereiro de 2022

A “Agência Brasil” refere que “Brasileiros que saíram de Kiev chegam à Roménia”. Já “O Globo” tem em manchete o…
Moçambique: IESE diz que Covid-19 não foi principal causa de recessão do país

Moçambique: IESE diz que Covid-19 não foi principal causa de recessão do país

O Instituto de Estudos Sociais e Económicos (IESE) considera que a Covid-19 não foi a principal causa da recessão económica em Moçambique.…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin