Timor Leste

Timor-Leste: Banco Mundial aprova novo CPF para ajudar o país no desenvolvimento económico

A direção do Banco Mundial (BM) aprovou o novo Quadro de Parceria (CPF) 2020-2024 para Timor-Leste, que tem como principais objetivos o crescimento económico, infraestruturas e capital humano.

De acordo com a entidade financeira, o CPF visa “apoiar o Governo de Timor-Leste na transformação da sua riqueza natural em capital humano melhorado e infraestrutura sustentável”.

O valor do pacote total de assistência é de cerca de 100 milhões de dólares (90,8 milhões de euros) em empréstimos concessionados. Dessa quantia, 60 milhões de dólares (54,48 milhões de euros) vão ser aplicados em estradas, 25 milhões de dólares (22,7 milhões de euros) na água e no saneamento e 15 milhões de dólares (13,6 milhões de euros) na educação.

Esta nova estratégia de cinco anos encontra-se alinhada com o Plano Estratégico de Desenvolvimento de Timor-Leste (2011-2030) e com os esforços do Governo para que o país passe a integrar o grupo de países com rendimento médio, em 2030, através do combate à pobreza extrema.

A estratégia vai ser colocada em prática pelas organizações que pertencem ao grupo do BM, do qual fazem parte a Corporação Financeira Internacional (IFC), que se centra no setor privado, e a Agência Multilateral de Garantia de Investimentos (MIGA), que disponibiliza seguro contra riscos políticos e garantias de melhoria de crédito.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo