Timor-Leste: CNE vai recrutar 1.200 oficiais para monitorizar eleições

A Comissão Nacional de Eleições (CNE) de Timor-Leste anunciou o recrutamento de 1.200 oficiais entre novembro e dezembro. Tal irá ser feito no âmbito da monitorização dos centros de votação em todo o território timorense em 2022, ano das eleições presidenciais.  

De acordo com o Presidente da CNE, José Agostinho Belo, os oficiais vão supervisionar todos os processos das eleições presidenciais em cada suco. Será dada atenção à movimentação dos eleitores no terreno, para que esta seja relatada mais tarde à CNE. 

Também segundo Agostinho Belo, o recrutamento é uma das prioridades atuais da CNE, que visa garantir o sufrágio no próximo ano. 

Ao todo, Timor-Leste possui 452 sucos em todo o território nacional, bem como 2.233 vilas, aldeias e lugares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Cabo Verde: Correia e Silva quer Economia Digital a valer 25% do PIB

Cabo Verde: Correia e Silva quer Economia Digital a valer 25% do PIB

O primeiro-ministro cabo-verdiano, Ulisses Correia e Silva, tem como meta fazer com que a Economia Digital contribua com 25% do Produto Interno Bruto (PIB). Este objetivo…
Grécia quer cooperar com Angola na Segurança Marítima

Grécia quer cooperar com Angola na Segurança Marítima

A Grécia manifestou a Angola o seu desejo de estabelecer cooperação nos domínios da Segurança Marítima, Comércio, Turismo, Indústria, Agricultura e Inovação. Essa…
Moçambique: INGD alerta para risco de inundações e cheias

Moçambique: INGD alerta para risco de inundações e cheias

A presidente do Instituto Nacional de Gestão e Redução do Risco de Desastres (INGD) Luísa Meque, apelou às comunidades que residem nas…
Timor-Leste: Diáspora na Coreia do Sul enviou mais de USD 30 milhões

Timor-Leste: Diáspora na Coreia do Sul enviou mais de USD 30 milhões

Os trabalhadores timorenses na Coreia do Sul já enviaram para Timor-Leste, de 2009 a 2021, cerca de 39 milhões de dólares…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin