Timor-Leste: Comissão de inquérito parlamentar timorense sobre projetos de obras entra em funções

A comissão de inquérito parlamentar timorense sobre projetos de obras, composta por 11 membros, tomou posse esta terça-feira, 30 de outubro. Esta medida, que foi aprovada dias antes das eleições de 2017, serve para analisar 142 projetos polémicos, avaliados em cerca de 350 milhões de dólares (307 milhões de euros), no total.

Foram as bancadas da oposição, Frente Revolucionária do Timor-Leste Independente (Fretilin) e Partido Democrático (PD), que solicitaram a comissão, para que fossem averiguados mais dados sobre os projetos.

Quem preside a esta comissão é Antoninho Bianco (Fretilin), sendo Adriano do Nascimento (PD) o vice-presidente e Maria Anabela Silva (Fretilin) a secretária. Fazem ainda parte do grupo de 11 deputados das três bancadas do Governo o Partido Libertação Popular (PLP), o Congresso Nacional da Reconstrução Timorense (CNRT) e Kmanek Haburas Unidade Nacional Timor Oan (KHUNTO).

A Fretilin já tinha criticado durante este mês de outubro a demora que estava a ocorrer na criação da comissão parlamentar, altura em que acusou a mesa de dificultar o processo. A comissão vai agora avaliar os 142 projetos, relacionados com estradas e pontes, que foram assinados por diversos ministros do VI Governo dias antes das eleições legislativas de 2017.

O Orçamento Geral do Estado prevê que sejam investidos, ainda em 2018, 13 milhões de dólares nos polémicos projetos. Em 2019 deverão ser investidos mais de 280 milhões de dólares.

Deixe uma resposta




Artigos relacionados

Cabo Verde: UCID diz que Governo ignora "gritos da população"

Cabo Verde: UCID diz que Governo ignora "gritos da população"

O líder da UCID, João Santos Luís, garantiu nesta segunda-feira, 28 de novembro, que o seu partido não vai dar…
Moçambique: Cerca de 30 agentes da PRM patenteados na cidade de Pemba

Moçambique: Cerca de 30 agentes da PRM patenteados na cidade de Pemba

Devido ao bom desempenho no exercício das funções, na província de Cabo Delgado, 29 agentes da Polícia da República de…
Angola: PR quer mais investimentos do setor privado

Angola: PR quer mais investimentos do setor privado

O Presidente da República de Angola, João Lourenço, defendeu maiores investimentos privados norte-americanos, no âmbito da parceria estratégica. O objetivo…
Moçambique: Chang acusado de corrupção e de outros crimes

Moçambique: Chang acusado de corrupção e de outros crimes

O ex-ministro das Finanças de Moçambique, Manuel Chang, é acusado pelo Gabinete Central de Combate à Corrupção (GCCC) de se…