Timor-Leste: Comissão de inquérito parlamentar timorense sobre projetos de obras entra em funções

A comissão de inquérito parlamentar timorense sobre projetos de obras, composta por 11 membros, tomou posse esta terça-feira, 30 de outubro. Esta medida, que foi aprovada dias antes das eleições de 2017, serve para analisar 142 projetos polémicos, avaliados em cerca de 350 milhões de dólares (307 milhões de euros), no total.

Foram as bancadas da oposição, Frente Revolucionária do Timor-Leste Independente (Fretilin) e Partido Democrático (PD), que solicitaram a comissão, para que fossem averiguados mais dados sobre os projetos.

Quem preside a esta comissão é Antoninho Bianco (Fretilin), sendo Adriano do Nascimento (PD) o vice-presidente e Maria Anabela Silva (Fretilin) a secretária. Fazem ainda parte do grupo de 11 deputados das três bancadas do Governo o Partido Libertação Popular (PLP), o Congresso Nacional da Reconstrução Timorense (CNRT) e Kmanek Haburas Unidade Nacional Timor Oan (KHUNTO).

A Fretilin já tinha criticado durante este mês de outubro a demora que estava a ocorrer na criação da comissão parlamentar, altura em que acusou a mesa de dificultar o processo. A comissão vai agora avaliar os 142 projetos, relacionados com estradas e pontes, que foram assinados por diversos ministros do VI Governo dias antes das eleições legislativas de 2017.

O Orçamento Geral do Estado prevê que sejam investidos, ainda em 2018, 13 milhões de dólares nos polémicos projetos. Em 2019 deverão ser investidos mais de 280 milhões de dólares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Angola: Moco diz que MPLA receia enfrentar Costa Júnior

Angola: Moco diz que MPLA receia enfrentar Costa Júnior

O ex-primeiro-ministro angolano e militante do MPLA, Marcolino Moco, afirmou que o partido no poder, tal como o líder João…
Moçambique quer fortalecer cooperação com STP na Educação

Moçambique quer fortalecer cooperação com STP na Educação

A Embaixadora de Moçambique em São Tomé e Príncipe, Osvalda Joana, partilhou a vontade do país que representa em reforçar…
Cabo Verde: PAICV quer vencer as seis câmaras municipais de Santiago Norte em 2024

Cabo Verde: PAICV quer vencer as seis câmaras municipais de Santiago Norte em 2024

A presidente da Comissão Política Regional do PAICV em Santiago Norte, Carla Carvalho, afirmou que o “grande desafio” do mandato…
Portugal pondera aumentar número de turmas para crianças ucranianas

Portugal pondera aumentar número de turmas para crianças ucranianas

O ministro da Educação em Portugal, Tiago Brandão Rodrigues, reafirmou nesta sexta-feira, 11 de março, que as escolas portuguesas estão preparadas…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin