Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72% até ao final de dezembro de 2021. 

De acordo com a “Tatoli”, o Governo desembolsou, através da conta de garantia do Fundo de Viabilidade gerido pelo Ministério das Finanças, 84,1 milhões de dólares americanos entre agosto e dezembro de 2021. A quantia foi então destinada às obras de construção a cargo da empresa Timor Port SA, concessionária do projeto Parceria Público-Privada do Porto de Baía de Tíbar. 

A conclusão das obras está prevista para maio deste ano de 2022, indica o mesmo documento do Ministério das Finanças. 

“Quando a construção terminar e começarem as operações, o Porto da Baía de Tíbar substituirá o de Díli para que sejam permitidas as atividades de importação e exportação com capacidade anual de carregamentos de um milhão de contentores”, pode ainda ler-se. 

O objetivo do novo porto consiste em apoiar o país na diversificação da produção interna, facilitando a conectividade marítima com a região asiática, ligando também o país ao mercado global e melhorando o acesso a comércio e outras indústrias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

O Presidente russo, Vladimir Putin, apelou ao Exército ucraniano para que retirasse o apoio ao Governo ucraniano, o que significa…
Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, confirmou os relatos de ataques e bombardeamentos a creches e orfanatos…
Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

As autoridades russas detiveram mais de 1.800 manifestantes que se opuseram à invasão à Ucrânia.  “Nós estamos preocupados com as…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin