Timor-Leste: Diplomata Milena Pires na corrida à Presidência

A diplomata timorense Milena Pires anunciou, em entrevista à “Lusa”, que vai candidatar-se à Presidência da República. A decisão surge em resposta a vários apelos para que haja “um rosto jovem” na política do país. 

“Precisamos de caras novas, ideias novas e soluções também diferentes para as dificuldades e desafios que o nosso país enfrenta e vem enfrentando. É tempo de Timor-Leste ter uma mulher experiente e competente no mais alto cargo da magistratura da nação”, declarou. 

“Com toda a humildade, penso que tenho esse perfil e poderei responder a esse anseio da nova geração e de todos aqueles que reclamam mudança e transformação”, acrescentou. 

A diplomata afirmou que tinha anunciado formalmente a intenção de candidatura ao cargo, que tem sido sempre ocupado por homens, ainda antes de o Presidente da República, Francisco Guterres Lu-Olo, informar sobre a data das eleições, previstas para março. 

Segundo Milena Pires, apesar das mudanças ocorridas em Timor-Leste nos últimos anos, o país continua a ser “fortemente patriarcal, com muita influência e predominância dos homens na vida política e social”. Assim, considera “importante haver uma face feminina e feminista nos mais altos cargos da nação para haver igualdade, justiça e verdadeira democracia”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

Presidente da Rússia pede a Exército ucraniano para tomar o poder

O Presidente russo, Vladimir Putin, apelou ao Exército ucraniano para que retirasse o apoio ao Governo ucraniano, o que significa…
Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

Ucrânia confirma ataques da Rússia a creches e orfanatos

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia, Dmytro Kuleba, confirmou os relatos de ataques e bombardeamentos a creches e orfanatos…
Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

Rússia prende mais de 1.800 manifestantes que são contra a guerra

As autoridades russas detiveram mais de 1.800 manifestantes que se opuseram à invasão à Ucrânia.  “Nós estamos preocupados com as…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin