Timor-Leste e Austrália assinam acordo sobre abastecimento de água

O Governo australiano e a Bee Timor-Leste (BTL) assinaram um acordo para a melhoria do sistema de abastecimento de água em Díli, capital timorense. O encontro decorreu nesta quinta-feira, 11 de novembro, segundo a “Tatoli”. 

Trata-se de um acordo no valor de quatro milhões de dólares americanos (3.488.650 euros), realizado no âmbito do programa “Parceria para Fortalecer o Desenvolvimento de Sucos e a Administração Municipal”. O documento foi assinado pelo Embaixador da Austrália em Timor-Leste, Peter Roberts, o ministro timorense das Obras Públicas, Salvador Pires, o Presidente da Autoridade Nacional de Água e Saneamento, Domingos Pinto, e representantes do programa mencionado, além de Engenheiros Sem Fronteiras. 

De acordo com o ministro Salvador Pires, “o acordo consiste na assistência do Governo australiano e tem como objetivo requalificar e reconstruir os sistemas de abastecimento de água nas zonas de Tohu-Metan, Lakoto e Matudere, que foram danificados na sequência das inundações ocorridas em abril”

O governante disse ainda que a requalificação dos sistemas vai permitir o normal funcionamento do fornecimento de água canalizada à comunidade do Município de Díli. 

Já o diplomata australiano, Peter Roberts, declarou que o Executivo do seu país continua empenhado em auxiliar Timor-Leste no desenvolvimento das infraestruturas básicas, principalmente em relação ao apoio técnico dos Engenheiros Sem Fronteiras à BTL. 

“Com a ajuda da BTL e do MOP [ministro das Obras Públicas], queremos apoiar no fornecimento de água às pessoas carenciadas. É muito importante que respondamos às suas necessidades. O programa visa também auxiliar a redução dos impactos das mudanças climáticas”, partilhou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

Militantes e delegados dos partidos MPLA (Angola), FRELIMO (Moçambique), ANC (África do Sul) e SWAPO (Namíbia) terminam neste sábado, 26…
Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

O presidente da Comissão de Administração Pública e Poder Local da Assembleia da República de Moçambique, Francisco Mucanheia, chefiou um…
Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72%…
Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin