Timor-Leste: Governo apresenta alterações à Lei de Recenseamento

O Governo timorense apresentou nesta quarta-feira, 04 de novembro, as alterações à Lei de Recenseamento Eleitoral e à Lei dos Órgãos da Administração Eleitoral. Esse projeto foi exposto pelo ministro da Administração Estatal, Miguel Pereira de Carvalho, em Conselho de Ministros. 

“Os ajustamentos levados a cabo visam conferir maior transparência ao processo de recenseamento eleitoral”, declarou o ministro da Presidência do Conselho de Ministros, Fidelis Magalhães. 

Ainda de acordo com o governante, os ajustamentos aos procedimentos de recenseamento têm igualmente o propósito de introduzir alguns ajustes à Lei dos Órgãos da Administração Eleitoral. Destaca-se a promoção de uma maior colaboração entre os dois órgãos de Administração Eleitoral. 

O ministro disse também que esta união visa permitir uma coordenação mais eficaz entre os dois órgãos em causa, de maneira a alcançar um padrão mais elevado de educação cívica entre a população e a haver divulgação de informação no que diz respeito ao acto eleitoral.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *




Artigos relacionados

Cabo Verde: Governo acusado de subir impostos "de forma sorrateira"

Cabo Verde: Governo acusado de subir impostos "de forma sorrateira"

O dirigente do grupo parlamentar do PAICV, João Baptista Pereira, acusou o Governo cabo-verdiano de aumentar os impostos “de forma…
ONU pede fundos para Afeganistão não ter de vender bebés

ONU pede fundos para Afeganistão não ter de vender bebés

A Organização das Nações Unidas (ONU) apelou novamente à recolha de fundos para o Afeganistão. Este é um pedido urgente,…
Revista de Imprensa Lusófona de 27 de janeiro de 2022

Revista de Imprensa Lusófona de 27 de janeiro de 2022

A “Inforpress”, agência de notícias de Cabo Verde, publica “Parlamento: PAICV acusa Governo de aumentar os impostos de ‘forma sorrateira…
Brasil: Bolsonaro anuncia regulação dos projetos de energia éolica em regiões marítimas e em águas abrigadas

Brasil: Bolsonaro anuncia regulação dos projetos de energia éolica em regiões marítimas e em águas abrigadas

O presidente Jair Bolsonaro anunciou terça-feira (24/1) o decreto que regula o empreendimento para geração de energia elétrica por meio…
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin