Timor-Leste: Governo garante bens essenciais para vários meses durante combate ao Covid-19

O ministro interino coordenador dos Assuntos Económicos de Timor-Leste, Fidelis Magalhães, assegurou que o país tem ‘stock’ suficiente de bens essenciais, como arroz e trigo, para os próximos quatro a cinco meses.

Além de ter dado também a garantia da importação de produtos sem interrupção para o território timorense devido ao coronavírus (Covid-19), apelou à população para que mantenha a calma e evite açambarcar produtos. O Governo irá tomar ainda sérias medidas para quem tentar explorar a situação através do aumento dos preços.

Segundo explicou, mesmo que o Presidente da República, Francisco Guterres Lu-Olo, declare estado de emergência, isso não afetará a alimentação ou produtos como medicamentos.

Neste âmbito, o Governo irá impor um novo protocolo no porto e outros pontos de entrada para limitar ao máximo o contacto físico com os trabalhadores dos navios e de transportes, esclareceu. O Ministério da Saúde vai implementar medidas adicionais de controlo de saúde no porto e noutros locais, acrescentou.

O Covid-19 já infetou mais de 170 mil pessoas a nível mundial, tendo causado, até ao momento, cerca de 6.850. Das pessoas infetadas, mais de 75 mil recuperaram do surto, que teve início na China.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Banco de Moçambique cancela registo de 15 operadores de microcrédito

Banco de Moçambique cancela registo de 15 operadores de microcrédito

O Banco de Moçambique decidiu cancelar o registo de 15 operadores de microcrédito. Estes passam a estar assim proibidos de…
Cabo Verde e Suíça decidem facilitar vistos de curta duração

Cabo Verde e Suíça decidem facilitar vistos de curta duração

Cabo Verde e Suíça acordaram que vão facilitar a emissão de vistos de curta duração, divulgou o Ministério dos Negócios…
Timor-Leste: Debate de candidatos presidenciais adiado para 15 de março

Timor-Leste: Debate de candidatos presidenciais adiado para 15 de março

O Vice-Presidente da Comissão Nacional de Eleições (CNE), Domingos Barreto, informou que o debate público dos candidatos à Presidência da…
Moçambique: Maleiane ocupa cargo de primeiro-ministro

Moçambique: Maleiane ocupa cargo de primeiro-ministro

O chefe de Estado moçambicano, Filipe Nyusi, confere posse a Adriano Maleiane nesta sexta-feira, 04 de março. O ex-ministro da…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin