Timor Leste

Timor-Leste: Governo vai passar a ter dois vice-primeiros-ministros

Taur Matan Ruak

O primeiro-ministro de Timor-Leste, Taur Matan Ruak, apresentou nesta quarta-feira, 13 de maio, uma nova orgânica do VIII governo constitucional, que elimina algumas pastas e cria outras, incluindo os cargos de dois vice-primeiros-ministros do Governo.

“Passa a prever-se a existência de dois vice-primeiros-ministros que coadjuvarão o primeiro-ministro no exercício das respetivas competências, de um ministro dos Assuntos Parlamentares e Comunicação Social e de um ministro do Plano e Ordenamento do Território”, pode ler-se no comunicado divulgado pelo Executivo.

Uma primeira lista de novos membros indigitados por Matan Ruak para o Governo e apresentada ao Presidente da República, Francisco Guterres Lu-Olo, incluía a nomeação da ministra da Solidariedade Social, Berta dos Santos, como vice-chefe do Executivo. A governante é presidente do Kmanek Haburas Unidade Nacional Timor Oan (KHUNTO), um dos partidos parceiros do atual Governo.

Entretanto, o secretário-geral da Frente Revolucionária de Timor-Leste Independente (Fretilin), Mari Alkatiri, avançou que o segundo cargo vai ser ocupado por um membro da formação política que representa, mas que o nome ainda está por decidir.

Será também criado o cargo de vice-ministro para o Turismo Cultural e Comunitário, bem como o de vice-ministro para o Comércio e Indústria e de um vice-ministro do Interior.

Na remodelação são extintos os cargos governamentais de ministro da Reforma Legislativa e Assuntos Parlamentares e de ministro do Planeamento e Investimento Estratégico, desaparecendo ainda a função de ministro de Estado.

© e-Global Notícias em Português
Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Topo