Presidente timorense, Francisco Guterres Lu-Olo

Timor-Leste: MAE informa Lu-Olo sobre preparação das presidenciais

O ministro da Administração Estatal (MAE) de Timor-Leste, Miguel Pereira de Carvalho, informou o chefe de Estado, Francisco Guterres Lu-Olo, sobre os preparativos para a eleição presidencial. O sufrágio está marcado para 2022. 

“Informei o Presidente da República sobre o plano e a preparação da eleição presidencial em 2022, pois o mandato do chefe de Estado atual terminará em 2022”, disse aos jornalistas nesta quarta-feira, 12 de maio, em Díli. 

Segundo o governante, o Secretariado Técnico de Administração Eleitoral (STAE) continua na fase de preparação das presidenciais, apesar da pandemia da Covid-19. Quando questionado sobre essa preparação, afirmou que o STAE já registou os 839.430 eleitores no país, além de 6.010 no estrangeiro. 

Pereira de Carvalho acrescentou que o STAE vai realizar entre 01 de julho deste ano e janeiro de 2022 o recenseamento eleitoral, bem como a atualização da base de dados eleitoral para publicar as listas dos eleitores nos centros de votação antes da eleição presidencial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: BAD indica pobreza e desigualdade como principais desafios

Moçambique: BAD indica pobreza e desigualdade como principais desafios

O Banco Africano de Desenvolvimento (BAD) apontou “a pobreza e desigualdades generalizadas” como os principais desafios de Moçambique. A entidade…
Angola: Partidos que participam nas eleições recebem 80 milhões de kwanzas do Governo

Angola: Partidos que participam nas eleições recebem 80 milhões de kwanzas do Governo

O Governo angolano decidiu atribuir um financiamento extraordinário de 882,6 milhões de kwanzas, que será distribuído de forma igualitária por…
Timor-Leste: Governo aprova que mais de mil escolas tenham Internet

Timor-Leste: Governo aprova que mais de mil escolas tenham Internet

O Governo timorense aprovou o decreto-lei da medida de apoio às escolas dos ensinos pré-escolar, básico e secundário públicos e…
Cabo Verde: TACV quer demitir 42 trabalhadores para manter-se

Cabo Verde: TACV quer demitir 42 trabalhadores para manter-se

A presidente do conselho de administração da TACV, Sara Pires, informou que a companhia aérea necessita dispensar cerca de 42…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin