Timor-Leste: Novos embaixadores frequentam curso de diplomacia

O Instituto de Estudos Diplomáticos do Ministério dos Negócios Estrangeiros e Cooperação decidiu disponibilizar uma formação especializada na introdução dos serviços diplomáticos de Timor-Leste aos 13 novos embaixadores do país, além do embaixador para as alterações climáticas. 

A formação começa nesta segunda-feira, 28 de junho, e vai terminar na próxima terça-feira, 06 de julho. Para a ministra dos Negócios Estrangeiros e Cooperação, Adalzija Magno, trata-se de uma iniciativa importante, uma vez que permite que os membros diplomáticos aprofundem os seus conhecimentos acerca da política externa do atual Governo

Também de acordo com a governante, o papel principal dos novos representantes de Timor-Leste será convencer os empresários estrangeiros a investirem no país após a crise causada pela Covid-19. 

Magno pediu aos diplomatas que cumprissem as prioridades do Governo, principalmente no que diz respeito à recuperação económica do país e às cooperações multilaterais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Moçambique: IESE diz que Covid-19 não foi principal causa de recessão do país

Moçambique: IESE diz que Covid-19 não foi principal causa de recessão do país

O Instituto de Estudos Sociais e Económicos (IESE) considera que a Covid-19 não foi a principal causa da recessão económica em Moçambique.…
Guiné-Bissau: Presidente exonera Chefe de Estado-maior da armada e vice do Exército

Guiné-Bissau: Presidente exonera Chefe de Estado-maior da armada e vice do Exército

Segundo uma nota do Gabinete de Comunicação da Presidência da República, citando o Decreto Presidencial, “é o Contra Almirante, Carlos…
Timor-Leste: Elaboração do Plano de Urbanização de Díli aprovada

Timor-Leste: Elaboração do Plano de Urbanização de Díli aprovada

O Conselho de Ministros de Timor-Leste aprovou a elaboração do Plano de Urbanização de Díli. O objetivo é melhorar a…
Angola: Governo aprova mais de 15 mil milhões de kwanzas para Agricultura e Pescas

Angola: Governo aprova mais de 15 mil milhões de kwanzas para Agricultura e Pescas

O ministro da Agricultura e Pescas de Angola, António Francisco de Assis, informou que foram aprovados mais de 15 mil…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin