Timor-Leste recebe do Japão para participação das mulheres nas eleições

O Governo japonês doou 100 mil dólares norte-americanos (86 mil euros) a Timor-Leste para promover a participação do sexo feminino nas eleições. Tal foi feito através do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e da ONU Mulheres

“Timor-Leste regista um progresso notável na promoção da participação das mulheres na vida política, a nível nacional, nos últimos anos”, observou a representante residente do PNUD em Timor-Leste, Munkhtuya Altangerel, através de uma nota de imprensa. 

No entanto, realçou também que o país enfrenta “ainda muitos desafios, tais como estereótipos e preconceitos baseados no género – profundamente enraizados na sociedade – normas sociais e culturais injustas, falta de apoio familiar e comunitário, acesso limitado à rede política e falta de apoio adequado no desenvolvimento das competências”

O documento menciona o facto de a crise global causada pela pandemia da Covid-19 ter vindo a afetar ainda mais a situação das mulheres. Neste âmbito, o fundo de apoio visa garantir a segurança pública durante o processo democrático e fortalecer a voz das mulheres e grupos marginalizados em cargos de tomada de decisão depois da recuperação da crise e do regresso à normalidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

MPLA, FRELIMO, ANC e SWAPO querem formação contínua dos militantes

Militantes e delegados dos partidos MPLA (Angola), FRELIMO (Moçambique), ANC (África do Sul) e SWAPO (Namíbia) terminam neste sábado, 26…
Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

Moçambique: Autarquias locais mantêm dependência do OE

O presidente da Comissão de Administração Pública e Poder Local da Assembleia da República de Moçambique, Francisco Mucanheia, chefiou um…
Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

Timor-Leste: Construção do Porto de Tíbar alcançou os 72% em 2021

O Ministério das Finanças de Timor-Leste informou, através de um documento, que a construção do Porto de Tíbar chegou a 72%…
Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Moçambique: Paralisação de fábricas de processamento de castanha de cajú empurra mais de 17 mil pessoas para o desemprego em Nampula

Na província moçambicana de Nampula, 17.182 trabalhadores foram empurrados para o desemprego nos dois últimos anos na sequência da paralisação…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin