Pixabay License Grátis para uso comercial Atribuição não requerida

Timor-Leste: SEA quer substituição de produtos proibidos em 2021

O Secretário de Estado do Ambiente (SEA) de Timor-Leste, Demétrio do Amaral de Carvalho, afirmou que as empresas envolvidas em atividades económicas devem levar a cabo em 2021 a substituição de todo o material proibido pela Secretaria de Estado do Ambiente. 

“As entidades de negócios nos mercados tradicionais e lojas que ainda utilizam sacos plásticos deverão procurar substituí-los por outros que sejam recicláveis porque, a partir de 23 de janeiro de 2021, a SEA efetuará operações de fiscalização às lojas, supermercados, distribuidor de sacos de plástico e mercados tradicionais. Peço-vos que colaborem no combate aos sacos de plástico, porque estragam o ambiente e a nossa saúde”, declarou. 

Segundo o Decreto-Lei n.º 37/2020 sobre a Alienação, Importação e Produção de Sacos, Embalagens e outros Objetos de Plástico, a Secretaria de Estado do Ambiente, enquanto autoridade superior ambiental, emitiu uma diretiva às entidades comerciantes onde anunciou diversos pontos fundamentais para serem levados a cabo os mecanismos de substituição dos sacos plásticos de uso único até 23 de janeiro de 2021. 

O mesmo decreto menciona igualmente que entre 28 de outubro, data da emissão da diretiva, e 23 de janeiro do próximo ano as lojas e as distribuidoras vão estar estritamente proibidas de vender embalagens de uso único para refeições e bebidas em Timor-Leste. 

A mesma regra é aplicada às garrafas de água de plástico até 600 mililitros, uma medida que impede aos importadores, distribuidores e lojistas de realizarem a venda ou até mesmo a produção das mesmas. 

Caberá à Secretaria de Estado do Ambiente fazer a 24 de janeiro de 2021 uma operação de fiscalização a todas as superfícies comerciais para verificar se os operadores económicos cometeram ou não eventuais infrações em conformidade com os artigos 41.º e 42.º. Se forem identificados produtos ilegais, ou seja, que não cumpram com as normas, serão apreendidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.




Artigos relacionados

Ucrânia e Rússia adiam negociações para esta quinta-feira

Ucrânia e Rússia adiam negociações para esta quinta-feira

As negociações entre a Ucrânia e a Rússia foram adiadas para esta quinta-feira, 03 de março.  A delegação ucraniana está…
Portugal agradece à Roménia apoio no repatriamento de portugueses e ucranianos

Portugal agradece à Roménia apoio no repatriamento de portugueses e ucranianos

O primeiro-ministro português, António Costa, manifestou publicamente ao Presidente da Roménia, Klaus Iohannis, a sua gratidão pelo apoio prestado na…
Guiné-Bissau: PGR quer vigilância acrescida a pessoas com enriquecimento anormal

Guiné-Bissau: PGR quer vigilância acrescida a pessoas com enriquecimento anormal

O Procurador-geral da República (PGR) pediu aos magistrados para estarem atentos às pessoas que procuram vias fáceis para enriquecer, às…
Moçambique: Oposição critica "silêncio" do Governo sobre invasão à Ucrânia

Moçambique: Oposição critica "silêncio" do Governo sobre invasão à Ucrânia

A Renamo e o MDM, partidos moçambicanos da oposição, condenam a invasão da Rússia à Ucrânia. Ambos criticam o “silêncio”…
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin